Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
porno ninfetas safadas flagras gostosas sexo anal

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

O segurança comeu meu cuzinho II | Acervo de Contos

O segurança comeu meu cuzinho II

Olá! Conforme eu havia prometido, vou terminar de contar minha iniciação sexual com o segurança de uma danceteria (pra quem não leu, ver O Segurança tirou meu Cabacinho).

Como havia dito, após muita provocação, ele me pegou de jeito e tirou meu cabacinho, só que ele ficou com minha calcinha e disse que só me devolveria quando eu desse meu cuzinho para ele... Depois disso transamos algumas vezes, ele me comia na sala dos seguranças lá mesmo na danceteria, as vezes me levava para a casa dele e sempre tentando comer meu rabinho, mas eu sempre neguei, o pau dele é grande demais, ele acabaria comigo...

Com o passar do tempo, continuei freqüentando a danceteria e o provocando, dançava na frente dele, e rebolava com cara de putinha, ele delirava e discretamente pegava em seu pau, dando aquela ajeitada e eu lambia os lábios para mostrar-lhe que eu queria cair de boca, ele perdia o ar...

Sempre que tinha alguma promoção ou alguma brincadeira que o DJ chamava ele dava um jeitinho de facilitar as coisas pra mim. Um dia, eu estava com uma calça branca bem colada e cintura muito baixa, ele ficou com água na boca quando me viu, eu fiz questão de rebolar muito naquela noite, os rapazes ao redor também gostavam, eu estava no auge da minha forma, muito gostosa mesmo, sem falsa modéstia. Naquele dia o DJ chamou duas meninas para danças na boquinha da garrafa lá no palco para ganhar 1 mês de entrada VIP na danceteria, ele me pegou por um braço e disse, (vai lá, rebola pra mim quero ver minha putinha ralando esta bucetinha na garrafa) e me colocou na parte interna da proteção próxima ao palco. Lá fui eu, dancei gostoso, ralei na boquinha da garrafa olhando para ele, com cara de (me come que eu tô querendo), ele não piscava, e volta e meia dava aquela ajeitada gostosa naquele pau gingante, dancei como se estivesse cavalgando em cima do pau dele, minha bucetinha estava toda molhada, só de pensar... Enfim, a música acabou e a outra garota e eu ganhamos os ingressos VIP, quando fui descer do palco, ele foi me ajudar, aí eu disse (eu quero minha calcinha de volta HOJE), ele respondeu ao meu ouvido, (você já sabe, só devolvo quando você me der este rabinho gostoso, mas vai ter que rebolar como fez lá em cima do palco), eu disse para ele (eu sei, é o que eu disse, eu quero minha calcinha de volta HOJE), ele tomou um susto, me olhou com os olhos arregalados e soltou um suspiro que me enlouqueceu, eu disse a ele (me leva pra salinha dos seguranças), ele não pensou duas vezes, saiu andando na frente como já havíamos feito em outras vezes, eu esperei um pouco e fui atrás, a porta estava encostada conforme nosso esquema e eu entrei me rápido... Ele estava me esperando atrás da porta, de pau duro e enlouquecido, trancou a porta e foi logo me agarrando e me beijando como um animal faminto, me pegou com 1 braço e me colocou em cima da mesa abrindo minhas pernas, foi logo abrindo o zíper da minha calça e a tirou com uma força e velocidade incrível, que prática ele tinha... Em seguida tirou minha calcinha e caiu de boca em minha bucetinha, que já estava meladíssima com aquela situação, os outros não batiam à porta, pois já tinham esquemas combinado, um acobertava o outro, sempre que um deles levava alguma (vítima para o abate), eram todos cúmplices... ele me chupava, me lambia, e eu delirava, com a mesma prática e velocidade ele abriu o zíper e colocou aquela vara enorme e deliciosa para fora, nem tive tempo de pensar, ele botou pra dentro e começou a fuder minha bucetinha com vontade, era quase um estupro, uma delícia, ele bombava forte e profundo, eu podia sentir aquela vara inteira dentro de mim, até que gozei rapidinho, pois estava louca de tesão... Ele nem me deu tempo para respirar, me virou de costas e com força e disse (agora este cuzinho maravilhoso), passou a mão em minha bucetinha melada e usou meu próprio gozo pra lambuzar meu cuzinho, começou a acariciar com carinho, colocou um dedo, ai, não foi tão bom, com a outra mão ele me segurava pelos cabelos e dizia (se prepara neném, é hoje que eu te ensino a não brincar comigo), colocou mais um dedinho e eu gemia, mas era só dor, os dedos dele eram enormes, já doíam, imaginem o pau, eu estava em pânico, então ele tirou os dedos e começou a roçar a cabeça do pau em meu rabinho, pro meu desespero... ele segurou meus cabelos ainda mais forte e começou a empurrar aquela vara grossa e gigante pra dentro do meu cuzinho, a dor aumentava e eu pedia para parar, ele ignorava meus pedidos e forçava cada vez mais, doía muito, mas ele não ligava, ele estava louco de tesão, até que ele colocou tudo, até o fim, eu soltei um grito de dor, ninguém me ouvia, pois o som da danceteria era extremamente alto, ele começou a bombar, eu sofria muito com aquela dor, meu gemido era cada vez mais alto, mas não era de tesão, ele não ligava e foi forçando cada vez mais fundo e mais forte, dizendo (toma vara neném, é rola que você gosta? Que cuzinho delicioso, vou acabar com você, gostosa, toma rola, hummmm delícia, que rabinho maravilhoso. Tá doendo?? Toma mais... vou te quebrar no meio safada... Tá doendo?? Toma!!!, delícia... vou te arregaçar), eu já estava aos berros, chorando de dor e pedindo para ele parar, ele estava um verdadeiro animal, montou em cima de mim feito um touro, pude sentir toda a força dele, meu cuzinho ardia, ele não parava, ao contrário, bombava cada vez mais forte, e mais, e mais, até que seu gemido estava irreconhecível, parecia um monstro em cima de mim, puxava meus cabelos e bombava, bombava, forte, fundo, aaaaaiiiiiii, paaaraaa, chegaaaa, por favor!!! Ele gritou (eu vou gozar minha putinha, espera é agora..... toma porra tesão, tomaaaaa ahhhhh!!! Delíciaaaa.....aaaahhhh!!! Pode sentir aquele jato forte e quente dentro do meu cuzinho, ele me lambuzou muito, gozou alucinadamente.... quando ele tirou o pau, escorria por minhas pernas, junto com sangue, e a dor parecia que não acabaria nunca... ele caiu satisfeito e relaxado em um sofá ao lado, eu me levantei com dificuldade, e muita dor, ainda chorando e fui ao banheiro que tinha ali me limpar, foi horrível pra mim, mas vê-lo alucinado daquele jeito ainda me excitava.
Quando saí do banheiro, ele já estava recuperado, me pegou pela mau, me abraçou e me beijou carinhosamente, me olhou nos olhos e disse (neném, não se brinca com um homem deste jeito quando não tem certeza se dá conta do recado, da próxima vez, pensa melhor antes de me provocar), eu dei outro beijo nele e com muita dor que eu fiz o possível pra disfarçar e disse (eu estou só começando, ainda tem muita coisa que eu quero aprender com você, basta saber se você da conta, me aguarde...) passei a mão no pau dele, por cima da calça, pois ele já estava vestido e disse (cuida bem do meu brinquedinho, este é meu e eu quero usar muito ainda)...

Fui até a porta, olhei pra ele com uma cara muito safada e disse, (você ainda tá muito fraquinho, quero ver se vai dar conta de apagar meu fogo), dei uma risadinha, pisquei pra ele, passei a mão em minha bucetinha, mandei um beijo pra ele e saí, fui pra pista dançar, morrendo de dor, mas não dei o braço a torcer...

Este homem pirou na minha, transamos por muito tempo, fizemos todo tipo de loucura, mas estas eu conto em outra ocasião e cá entre nós.... nem ele, nem ninguém apagou meu fogo ainda, como eu adoro uma rola, como é bom trepar e sentir uma vara gostosa gozando dentro me mim..... é hoje que eu me acabo.... meu marido que me aguarde quando eu chegar em casa hoje, vou trepar com ele lembrando do meu passado fogoso...... Hum tô molhadinha agora, como eu queria ele aqui, me fudendo enquanto eu digito..... hummm delícia.... lá vou eu pro banheiro me masturbar de novo..... a noite eu trepo gostoso .....

Amanhã eu conto mais..... Bjs.....

 

Gostou? Vote no Conto:

02/09/2009 | 78777 visitas

 
 
 
amadoras safadas videos porno