Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
flagras porno amadoras safadas bundas bundas

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Minhas irmãs... I | Acervo de Contos

Minhas irmãs... I

Bom, isso aconteceu há algum tempo. Eu era filho único, só que depois de um tempo minha mãe e eu ficamos sabendo que meu pai tinha outra família. Foi aquela confusão toda! Por fim meus pais se divorciaram. Ficou combinado que eu passaria um tempo com minha mãe e um tempo com o meu pai. Com esse divórcio, o meu pai decidiu ir morar sozinho (não quis nem ir morar com a outra família) só que insistiu que eu fosse passar um tempo com as minhas irmãs que eu nem conhecia.

Na época que eu as conheci, mas elas eram mais novas que eu. A diferença de idade entre elas era de pouco mais de um ano. Elas se chamam Isabella e Renata.

São bem parecidas, mas a Isabella (mais novinha) é mais gostosa. Bom...

A Renata é daquelas falsa magra, mas tem um sorriso muito bonito e rosto bem feito. É branquinha e tem cabelo preto bem lisinho. Tem um belo bumbum e uma boca maravilhosa.

A Isabella é extremameeeeeeente gostosa! Não tem como uma menina ser daquele jeito! Não sei o que ela fez pra ficar assim...Sabe aquelas meninas bem gostosas mesmo com bunda perfeita bem carnuda e redonda, barriga retinha e seca, peitos médios e toda curvada?! Então, essa é a Isabella... por onde passa arranca secadas dos caras. Também é branquinha e tem cabelos pretos, mas mais curtinhos que o da Renata.

Ambas sempre gostaram de namorar (suspeitei isso logo de cara). E elas estavam doidas pra me conhecer, segundo meu pai já falava. Fiquei animado demais também, mas nem imaginava o que ia acontecer.

O dia D chegou e lá fui conhece-las! Fui na casa da mãe delas, mas só estavam elas (a mãe tava pra chegar de um supermercado). No início foi meio estranho porque nós três estávamos tímidos e acanhados pela situação. Mas aos poucos fomos nos soltando. De começo eu nem tava pensando nada (até porque a situação em si nem deixava), mas depois que a gente começou a pegar mais intimidade pude perceber logo os dotes da Isabella. E depois a Renata.

Elas nem estavam vestidas de maneira vulgar e foi isso que escondeu as gostosuras das duas. Falo isso porque depois de muita conversa a gente decidiu ir tomar banho de piscina e foi aí que eu realmente comecei a pensar putaria com elas.

As duas estavam com um bikini pequeno. A Renatinha tinha um de roxo claro com umas listras pretas e a Isa estava com um todo preto bem pequeno daqueles que tem um lacinho do lado (a menina amarra o bikini).

Elas me elogiaram dizendo que eu tinha um corpo bonito e mais um monte de coisa. Quem falou mais foi a Isa (ela é mesmo a mais danadinha). A Renatinha entrou na onda depois e me elogiou também. E eu as elogiei falando que tinham corpos bonitos para a idade delas.

Foi só eu falar isso que chuveu aquele monte de reclamação típica das mulheres falando que gostaria de ser mais magra, que tem bunda muito grande, que queria ter peitos maiores...etc!

E eu só as elogiando até que em um momento, totalmente sem querer, acabei dizendo que elas eram duas delicinhas! Na hora fez aquele silêncio e eu pensei "fudeu", mas as duas começaram a rir e a Isa falou baixinho que eu era gostosinho. Eu me animei na hora e falei que as duas eram mesmo bem gostosinhas também principalmente naqueles bikinis. Ambas ficaram super sorridentes.

Fiquei esperto com aquela situação porque a minha intuição falou que ia rolar coisas com elas. Comecei a forçar um pouco a barra enquanto a gente tomava banho de piscina.
Às vezes eu as seguravas pela cintura ou quadril. Dava aquela pegada mesmo...Outras vezes eu as abraçava de leve. Em um desses abraços a Renata se encostou demais em mim e eu pude sentir o volume da bucetinha dela roçando na minha barriga. Fiquei de pau duro na hora!

Depois vi a Isa dando uns mergulhos que sempre ficava de bumbum pra cima. Em um desses eu a segurei pelas pernas e ela ficou se batendo tentando se soltar. A gente ria bastante até. E eu lá tirando casquinhas das duas...

As brincadeiras continuaram, mas eu decidi recuar porque acreditei estar indo rápido demais com minhas intenções. Confesso que eu cheguei lá só com o objetivo de conhece-las, mas depois de umas 2 horas de conversa fiquei foi com vontade de comer as duas. Pra piorar eu já estava sem comer ninguém há alguns meses e tava naquela seca intensa! Vivia morrendo na mão...

O dia foi passando sem muitos acontecimentos interessantes. A mãe delas já tinha voltado lá do supermercado e a gente tava tudo de boa sem muita ousadia.

Passei o dia lá e à noite meu pai me buscou. Conversei com ele sobre elas e acabei descobrindo que as duas dão muita dor de cabeça pra ele...Agora adivinha com o quê?
Isso mesmo: namorados!

Meu pai falou que a Renata já tinha namorado um cara escondido e que ele tinha 8 anos a mais que ela. Falou também que a Isabella vive trocando de namorado. De uma maneira bem sútil consegui muitas informações sobre as duas e vi que elas eram bem safadas mesmo. Minha intuição estava certa como sempre foi...

Passei um tempo só falando com elas por intermédio de celular e internet. Em ambos sempre ficava brincando com elas. A gente se deu bem muito rápido! Mas...Até entendo. Ambas são safadinhas e eu também sou meio safado daí deu certinho a combinação.

Combinei de ir passar uma semana lá. Fiquei super animado e elas também.

Foi nesse momento que eu decidi atacar mesmo e elas ajudaram bastante.

Chegando lá as duas já me esperavam na porta. Desci do carro do meu pai, peguei minhas coisas e entrei. Meu pai veio junto pra falar com elas e ver se precisavam de algo. A mãe delas falou que tava tudo ok e não precisavam de nada. Assim que meu pai saiu, a mãe delas também saiu.

Elas foram me mostrar o quarto que eu iria ficar. Guardei minhas coisas e fui trocar de roupa. Queria colocar uma bermuda porque eu tava de jeans e uma camisa mais arrumada. A Renata falou que também ia trocar de roupa e saiu. Fiquei conversando com a Isa e falei pra ela não olhar quando eu fosse trocar de roupa. Ela riu e falou que não tinha problema de me ver só de cueca porque eu era irmão dela.

Eu falei que nem ligava que ela pudesse me ver só de cueca. Quando fiquei realmente de cueca ela tapou o rosto com as mãos, mas deixou aquele espaço entre os dedos e falou, rindo, que não podia ver aquilo. Respondi que não era nada demais...
Só que depois falei "você já me viu de cueca, depois quando você tiver de calcinha não fique com frescuras pro meu lado".

Ela acenou com a cabeça e disse "até parece que vou me importar que tu me veja de calcinha, né...como se tu fosse fazer alguma coisa comigo!"

Fiquei besta...Uma menina daquela jogando verde comigo! É foda uma coisa dessas.
Não deixei barato e disse que talvez fizesse algo porque ela é jeitosinha.

A Renatinha entrou nesse exato momento e eu tive outro "susto". Ela tava com um shortinho jeans bem coladinho e um top que mostrava a barriga toda. Entrou perguntando o que eu a gente tava falando e... A Isa falou "ele disse que eu sou jeitosinha!" e riu. A Renata riu também e perguntou "e eu?". Falei que ela era também basante até com aquela roupa.

A Isa reclama e diz que vai trocar de roupa também...

Fiquei conversando com a Renata e ela me falou que era bom ter um irmão mais velho pra cuidar delas. Conversamos um pouco com algumas safadezas no meio. Depois a Isa volta também com outro shortinho mas de um pano lá que ficava perfeito nela. Fiquei de cara com o volume e o formato da buceta dela.

Ela deu um girinho e perguntou "to melhor?" e eu falo "tá óóótima!".

Fomos pra sala conversar, mas no meio do caminho eu não tava me aguentando mais com a Isabella. Ela tava na minha frente e tava andando meio que rebolando de leve. A segurei por trás e a tirei do chão deixando a bunda dela bem na altura do meu pau. A sai carregando falando pra ela andar logo, mas enquanto isso eu ia me esfregando na bunda dela que era bem macia. Fiquei de pau duro na hora! A outra ficou um pouco com ciúmes e reclamou dizendo que eu não a carrego porque ela tá gorda (fazendo charminho).

Coloquei a Isa no chão e puxei a Renatinha. As duas perceberam que eu tava de barraca armada (nem liguei delas verem afinal era isso que elas queriam). Puxei a Renata que veio com uma carinha de tesão. A encoxei igual a outra e fomos andando pra sala.

Assim que eu sentei no sofa, fiz a a Renata sentar no meu colo (não a soltei na hora). Ela ficou lá e a Isa bem do lado olhando vidrada pra mim e pra irmã dela. Ela ficava olhando em direção ao meu pau e a bunda da Renatinha.

Começamos a conversar qualquer besteira e eu lá abraçado. Começamos a falar de namoros e mais um monte de coisas e sempre eu puxando a Renata pra ela esfregar a bunda dela no meu pau. Ela fazia isso de um jeito bem sútil mexendo pros lados quando supostamente ia começar um assunto novo ou uma história nova.

Acabamos indo pra conversas bem mais safadas como tipos de beijos que elas gostam, o jeito que elas gostam de dar os amassos etc... Falei que eu descobri que elas eram bem danadinhas e elas falaram que eu tinha cara de ser danado também.

Aí a Isa reclama que eu já tava há muito tempo com a Renata no meu colo. Coloquei de lado a outra. Fiquei sem nenhuma no meu colo...

Continuamos a conversar e fomos para o assunto de sexo onde ambas me falaram não ser mais virgens.

Por fim...A conversa desandou a partir daí e foi muita putaria sobre como elas fizeram e sobre como eu perdi a minha virgindade quando mais novo.

No meio da conversa eu falo que sou bem safado mesmo e adoro fazer. Aí a Isa aponta pro meu pau já armado e fala "a gente percebeu isso faz tempo!". Perguntei se tinha algum problema eu ficar daquele jeito...Disse que era culpa das duas por serem gostosinhas e usarem aquelas roupinhas comigo. As duas falaram que não fizeram nada demais. E a Isa ainda fala "você que ficou se esfregando na gente" e começou a rir...A Renata ficou do lado dela e eu me defendendo falando que elas duas tavam usando aqueles shortinhos para me deixar doido.

Ficamos nessa brincadeira de trocar acusações até que a Renatinha diz "mas eu mexi mesmo um pouco quando tava no colo, não aguentei" e ficou rindo tipo "hihihih" bem safadinho.

Aí eu perguntei qual das duas rebolava melhor. As duas falaram que rebolavam bem e decidimos então fazer um joguinho. Cada uma rebolava e eu dava uma nota.

A Isa fala que era pra eu ficar de cueca e elas de calcinhas pra ficar mais interessante.
Falei que concordava porque tinha que sentir bem as duas.

Quando as vi só de calcinha eu quase gozei! Muuuuuuito gostosinhas. Demais mesmo! Aquelas calcinhas pequenas e fininhas dos lados.

Fiquei de cueca com o pau já saindo dela. Assim que a Renata veio rebolar sobre mim, eu já quase gozo! Ela respirou fundo quando a buceta dela esfregou no meu pau. A Isa então nem se fala tava já com a mão entre as pernas e mordendo os lábios.

Eu falei que não aguentava mais e que queria comer a bucetinha das duas. Elas aceitaram na hora e corremos para o quarto.

Chegando lá, mandei as duas deitar de barriga pra cima. Fizerem isso. Tirei as calcinhas das duas e vi duas xanas com pelos ralos e bem apertadinhas. Ambas estavam bem molhadas. Tirei minha cueca e meu pau tava todo babado já.

Aí a Renata fala "enfia logo em mim...". Não fiz isso na hora porque queria maltratar as duas. Fiquei só dedilhando a buceta delas pra ver qual estava mais molhada. Quanto mais eu mexia, mais as duas se contorciam e gemiam baixinho e ficavam mais molhadas.

A Renatinha fala novamente "enfia logo..."

Não me aguentei e fui pra cima dela. Abri as pernas dela e fiquei esfregando a cabeça do meu pau na entrada. A Isa ficou do lado olhando e se masturbando...

Fui entrando devagar na Renatinha e fiquei apaixonado pela buceta dela! Era bem apertadinha e molhadinha.

Comecei a meter com vontade. Tirava quase tudo e depois colocava tudo de volta. Meu pau tava todo melado já e a Renatinha se contorcia toda. Eu tava com tanto tesão que tive de parar várias vezes para não gozar. A Isa virou de bruços e empinou a bunda dela falando pra eu comer ela logo também.

Sai da Renata com o pau todo molhado e entrei fácil na Isa. Comecei a meter já com força porque já tava aquecido mesmo por causa da outra. A bucetinha dela era mais gostosa que a da Renata...E sem contar que aquela bunda toda macia redonda sendo amassada por mim me dava um tesão danado!

Num momento não tava me aguetando e falei que ia gozar (não tinha nem 10 min de trepada). A Isa fala pra eu sentar na beirada da cama que ela queria sentar em mim.

Fiquei na beirada mas quem veio sentando logo foi a Renata. Depois veio a Isa.
Falei pra elas ficarem trocando a cada tempinho. Como eu queria mais comer a Isa, falei pra Renata esperar um pouco porque naquele dia eu ia comer melhor a Isa... Depois eu comeria melhor ela. Foi meio complicado na hora porque ela ficou meio chateada, mas o tesão era muito alto ainda.

Coloquei a Isa de 4 na cama e segurei no quadril dela puxando-a para mim. Fiquei assim só uns 2 min no máximo e senti que ia gozar mesmo. Ela tinha se gozada toda já porque tava muito delirante. Fiquei lá comendo ela e por fim tirei o pau na hora de gozar.
Joguei tudo sobre as costas/bunda dela. A Renata falou que aquela semana ia ser perfeita porque ambas estavam já um bom tempo sem dar e eu tava ali pra comer as duas mesmo.

A semana lá começou assim...Houve bem mais coisas, mas contarei em outro momento com mais detalhes. Esse foi só pra vocês conhecerem as minhas irmãs mesmo.
Acredite se quiser, só sei que eu to me dando bem desde então...

 

Gostou? Vote no Conto:

24/12/2010 | 43286 visitas

 
 
 
videos de sexo porno amadoras