Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
bundas ninfetas filmes porno safadas amadoras filmes porno

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Meu Professor | Acervo de Contos

Meu Professor

Eu sempre tive sonhos eroticos com meus professores , mas nunca pensei que fosse se concretizar .Um sempre me chamou atenção, o Matheus...Professor de Matematica , Loiro, alto , no auge da juventude .E eu ,Priscila, uma aluna, cabelo castanho com mechas loiras quase brancas, um corpo bonito, 1,60 56 quilos .Bunda impinada seios durinhos .

Durante todo o primeiro semestre, eu fazia de tudo pra chamar atenção dele mas ele nem me notava, só prestava atenção na menina escandalosa, ele era meio idiota, mas era muito lindo um sorriso perfeito .E sempre foi dito o professor perfeito, ao contrario de todos os outros, respeitava muito todas, apesar de algumas brincadeiras nunca tinham ouvido falar de ele pegar alunas. Porém, no segundo semestre eu tive uma briga muito feia com os meus pais, e resolvi sair de casa para pararmos de brigar e meu pai concordou que me sustentaria .
Cheguei desesperada e estava conversando com uma amiga , perguntando se ela sabia de alguem que queria alugar um apt, ou mesmo um quarto e que eu não iria dar trabalho, nisso o professor me interrompe.- Pri, desculpa mas eu escutei sua conversa , a gente pode conversar sobre isso no intervalo , me procura la em baixo ?- Claro Matheus. Respondi imediatamente.
Na hora do intervalo fui conversar com ele, e ele me ofereceu um quarto no apt dele, ele morava sozinho na zona sul do rio , enquanto eu estudava na zona oeste . Eu logo aceitei, claro , e fui conhecer o apt com ele .Adorei, o quarto era grande e tal , ai decidimos que eu pagaria a alimentação da casa, e ele o resto , praticamente ele estava me sustentando , e todo fofo todo amigavel .
Me mudei, e aos poucos nos tornamos muito amigos, e ele trocava confidencias comigo , apesar da namorada dele não gostar muito ( a esqueci de falar, a namorada dele era a mariana, minha professora de redação ', uma piranha. Ele me acordava pra ir pra escola, me levava, me buscava, nos saiamos juntos. Até que um dia fomos para uma boate , e ele bebeu um pouco e acabou se excedendo , tive que levar ele pra casa, pegamos um taxi.
No taxi ele falou que eu era muito gostosa , e que ele tinha me visto tomando banho e tinha ficado louco, só bebeu mais do que a conta para ter coragem de fazer o que ele tava fazendo . Nisso, estava com a mão na minha perna .
Eu fiquei parada olhando para aqueles olhos verdes, que me desejavam , e ele foi subindo a mão invadindo a minha saia . E quando eu olhava já tinha um volume enorme na calça dele. Começamos a nos beijar, e o clima foi esquentando (anhan, isso dentro do taxi) ele passava a mao na minha coxa e aprtava, ia subindo a mão ameaçava me tocar, e tirava a mao denovo .Tentava empurrar minha cabeça em direção ao membro dele, que já estava quase rasgando a calça, mas eu resistia.
CHEGAMOS EM CASA, eu paguei o taxi , o taxista ficou me comendo com o olho e me chamou de gostosa, não dei muita atenção pq eu queria entrar logo em casa.
Quando iamos subir no elevador, o Matheus me tacou na parede e começou a me beijar , tirando a minha roupa ali mesmo, no saguao d predio, eu fui tirando a camisa dele , e passando a mão no mebro dele que latejava, dentro do elevador o fogo continuava , eu ja estava sem calcinha so de saia e sutian , e ele passava a mão na minha buceta por cima da calcinha e foi chupando meus seios violentamente .
Chegamos no andar, a porta do elevador abriu fomos saindo e entrando em casa numa velocidade imensa,  quando entramos , ele me tacou no sofa arrancou o resto da minha roupa e começou a me chupar,  enfiava aquela lingua deliciosa na minha buceta e eu gemia , gemia baixo .eu falei que eu queria ele , queria ele dentro de mim, mas parece que ele queria provocar, e falava espera ainda falta muita coisa putinha, e eu ficava louca com cada palavra dele.derrepente ele tirou aquele pau duro e grosso devia ter unns 24 x 6 cm , e passou por todo o meu corpo até chegar a minha boca ,e começou a socar la dentro como se fosse minha boceta e mandou eu segurar e chupar .e sentou no sofa eu ajoelhei na frente dele , e começei a chupar, dava umas mordidinhas, e continuava chupando , ele gemia , sinal que estava gostando . do nada, ele goza e vem um jato de porra na minha cara, tão forte que foi dificil, mas eu engoli tudo não deixei nem uma gotinha.
pedi novamente pra ele me comer e ele respondeu levantando ,- ja voute comer putinha , eu sei que tu quer sentir essa rola gostosa na tua buceta arrombada.e foi me levantando pelo cabelo, tacando tudo que tinha em cima da mesa no chão e me colocando em cima dela.foi abrindo minha buceta , e cuspiu nela .Começou a esfregar o pau na minha buceta, e colocar so a cabecinha, mas não aguentou e socou tudo de uma vez, no começo doeu um pouco , mas depois foi tudo maravilhoso gozei umas 3 vezes até que ele gozou , e tudo dentro da minha buceta .
Nós fomos pro quarto dormir, e pela primeira vez dormi junto com ele agarradinha.
No dia seguinte , fui pro colegio , mas nao tinha aula dele, ou melhor tinha mas ele nao foi, tava meio mal pela ressaca e pela noite tb (6)mas tive aula da VACA da namorada dele.ela mandando piadinhas pra mim, dizendo que o que eu queria ela tinha a hora que ela quisesse , quase nao me aguentei mas fiquei queta .passou o dia e eu tava louca pra dar meu cu pra ele , mas nao sabia se ele ainda me queria. Fui logo pra casa,ele tava la, e a mariana tb .ele me olhou e piscou, eu dei um sorriso, e fui da rum beijo nele NO ROSTO claro :xE ela ficou desconfiada , e começou a reclamar, não deu pra mt tempo pq ela tinha que ir da aula então saiu, mas ela esqueceu a chave e a gente não percebeu , então ele foi pro meu quarto e :
- Pri, to com fome sabia ?- Quer o que ? Que eu faça comida pra você ? Pede pra Mariii , fiz cara de deboche e fui tirando a roupa pra tomar banho e ele foi falando :
- Claro que não. A comida que eu quero ja nasceu prontinha , e me segurou pelo braço me tacando na minha cama, subindo em cima de mim e beijando meu pescoço.Só que a gente não escutou , mas a namorada dele voltou pra pegar a chave e deu de cara com aquela cena tensa.

continua ... 

 

Gostou? Vote no Conto:

01/11/2010 | 43362 visitas

 
 
 
gostosas filmes porno videos de sexo