Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
bundas porno bundas videos porno videos de sexo sexo anal

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Fudendo com meu namoradinho | Acervo de Contos

Fudendo com meu namoradinho

Eu me chamo Marcella. Sou loira, seios medios durinhos, uma bunda redondinha empinadinha, 1,72 de altura.
Eu moro com meu Pai e minha madrasta, no interior de MG. Eu e meu namorado, Lucas, tínhamos 1 mês de namoro e eu já estava doidinha pra da pra ele, na época e meus pais não sabiam q eu namorava ele. Era uma sexta feira, meu pai ia viajar pra SP e minha madrasta ia visitar a mãe dela num era muito longe daqui, mas mesmo assim ela ia posar la pra cuidar dela. A casa ia fica toda pra mim e eu que não sou boba nem nada chamei meu namorado pra dormir lá, não ia passas de daquele dia , ele iria me comer.

Tudo combinado, fui tomar um banho bem gostoso, passei o perfume que ele gosta, vesti uma mini saia rodadinha uma mini calcinha, uma blusinha decotada  sem sutiã que valorizava meus seios durinhos, tava toda gostosa. 
Eu tinha chamado ele pra assistir filme, ai tudo de boa a campainha toca e eu fui la atender toda gostosa, levei o controle pra abrir lá, quando ele entrou deixei o controle cair de proposito pra abaixar na frente dele pra ele ver minha bundinha. Ele muito safado, chegou mais perto e encostou seu pau na minha bunda  e deu um tapinha. Pude sentir aquela tora crescendo e pressionando minha bunda. Eu levantei e dei m beijo nele e chamei pra entrar em casa. Ele sentou no sofá de frente pra TV e eu fui servir um suco pra ele, ele bebeu e me chamou pra sentar com ele, sentei no colo dele e comecei a beija-lo...  senti o pau dele pressionando minha bucetinha, então eu tirei o pau dele pra fora e comecei a punheta-lo, e ele bem relaxado, com o pau duro, começou a tirar minha blusinha e acariciar meu peitinho que já tavam durinhos , depois ele começou a chupar meio peitinhos, e eu gemendo baixinho, a punheta-lo . Me abaixei e comecei a chupa o pau dele, que quase nem cabia na minha boca, lambia a cabecinha, toda a extensão do membro dele até as bolas, chupava as bolas dele, e ele gemendo baixinho. Ele me pegou pelo cabelo e pressionava minha cabeça contra a pica dele fudendo minha boca, eu com a bucetinha toda encharcada de tanto tesão,ele disse que num tava aguentando mais segurar que irira gozar. Gozou gostoso na minha boca, e eu engoli tudinho a porro quente dele e limpei todinho o pau dele , num deixei uma gota.

Deitei do lado dele com as pernas arreganhadas e ele puxou minha mini calcinha pro lado e com os dedos acariciava meu grelinho, foi tirando minha calcinha com a boca e foi metendo a cara entre minhas pernas e chupando minha buceta. Ele infiava a língua, na minha buceta, passava a língua por toda extensão dela, com um dedo acariciava meu grelinho e o outro dedo enfiava no meu cuzinho, e eu anunciei o gozo, gozei na boca dele e ele muito excitado lambia com mais força, e eu me contorcia de tanto tesão, gemia tão alto que dava pra escutar ate da rua.
Eu não estava mais aguentando de tanto tesão, queria aquele pau grande e grosso na minha bucetinha me rasgando inteirinha. Quando ele deitou do meu lado, eu levantei e peguei ele pelo pau e levei ate o quarto do meu pai e da minha madrasta. Joguei ele em cima da cama, comecei a chupa o pau dele q foi reanimando, quando eu vi que tava no ponto, deitei em cima dele e fui encaixando aquela rola na portinha da minha bucetinha apertadinha, ele forçando e eu empurrei todo meu corpo pra baixo. Aquele pau entrou que entrou rasgando minha xoxotinha, ele bombava devagar e ia aumentando a velocidade, eu gemendo que nem uma puta, ate que ele gozou dentro de mim e eu senti aquela porra escorrendo no meu útero. Ele parecia cansado. Eu tava em cima dele e comecei a cavalgar no pau dele, e ele lambendo meus peitinhos ai que tesão. Eu levantei e pedi pra ele me comer de 4, ele levantou animadão, eu fiquei de 4 em cima da cama e ele me provocando pincelava na portinha da minha grutinha . eu loca de tesão empurrei meu corpo pra tras fazendo a pica dele fuder todinha minha bucetinha, senti as bolas dele batendo no meu grelinho. Ele bombava mais forte que eu nem tava aguentando mais, minhas pernas estavam ficando fracas e parecia que a fome dele de meter num passava nunca. Foi quando ele tirou da minha bucetinha e posicionou no cuzinho,eu gemi bem alto, pedindo pra ele me fuder e arrebentar minhas pregas. 
Ele lubrificou o pau com na minha bucetinha e começou a forçar a entradinha do meu cuzinho, que dor maravilhosa. Quando a cabeça passou eu empurrei o corpo pra tras de novo que o pau atolou no meu cuzinho todinho, ele bombava gostoso bem forte q eu nem sentia dor mais. 
Ficamos fudendo a noite inteira, Fizemos 69, cavalguei de cu e de buceta, fudemos em todos os cômodos a madrugada inteira, ate no jardim kkkk?Dormi com o pau dele dentro da minha buceta , acordei com vontade de fuder mais.
De manha na mesa do café ele tava peladão tomando café, eu cheguei nuazinha pra ele e sentei no pau dele e tomamos café juntinhos , ele fudendo minha bucetinha...
Foi a sexta feira mais incrível da minha vida.

Email; m.luchetti19@hotmail.com

 

Gostou? Vote no Conto:

24/11/2011 | 39762 visitas

 
 
 
filmes porno safadas porno