Acervo de Contos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Julia: Minha sobrinha tesuda (parte 1) | Orgias | Acervo de Contos

Julia: Minha sobrinha tesuda (parte 1)

Alberto era um homem que estava prestes a completar 40 anos.Tinha tudo que planejara:Dinheiro,um bom trabalho,carro,casa,sem filhos e uma esposa...



Só que nesse ultimo requisito sempre deixava a desejar.Sua esposa,Matilde,de uns tempos para cá,mais ou menos três anos para ser preciso,não tem mais procurado ele e o tratava como um estranho.Alberto tinha certeza que era um amante.Nunca teve coragem de se separar dela,pois tinha medo que sua carreira exemplar se tornasse um escândalo.



Por isso,para amenizar a falta de sexo sempre comia a secretaria e quando não conseguia comer a mulher de bunda grande,se mastubarva.



A primeira tentativa de ter uma conversa seria com Matilde foi a um mês atrás.Ela se preparava para ir ao trabalho e ele também.



-Precisamos conversar.-Ele disse enquanto preparava o café.



-E o que é?



-Por que você não me procura mais?



-Desculpa,é o trabalho.-Matilde ficou amorosa de repente.



-Você não esta com raiva de mim?



-Claro que não.Vou te mostrar.-Matilde saiu da cadeira,maliciosa e se ajoelhou diante de Alberto.



Ele já sabia o que ela ia fazer e deixou.Há muito tempo que ela não chupava seu pau.-Tava com saudades?



-Muitas.



Matilde desabotoa sua calça e tirou o penis dele para fora.



-Vamos lá.



Matilde começa a massageá-lo com a mão,enquanto coloca as duas bolas em sua boca.Alberto ficou duro na hora,quando Matilde chupou seu pau sem parar.



-Vou gosar!



-Gosa aqui.-Matilde ajudou Alberto a colocar toda a porra em sua língua.-Pronto.-Matilde fechou a cara e se levantou limpando as beiradas da boca.



Chegando no escritório,fez seu trabalho ate Silvia,sua secretaria chegar com uns papeis.Ele se desconcentrou todo quando ela virou as costas.A bunda dela era muito suculenta.



-Vem!Quero te comer.



-Agora?



-Agorinha.



Silvia se aproximou.Alberto saiu de trás de escrivaninha e a pegou pelos cabelos,jogando-a de bruços na mesa.



-Essa bunda toda para mim.-Alberto admirou enquanto subia a saia dela e descia sua calcinha.Enfiou o dedo no buraco dela e a fez gemer de prazer.



Em um instante se livrou das calças e mergulhou seu pinto naquela imensidão de nadegas e naquele cuzinho arrombado.



Os dois começaram a gemer.Os peitos de Silvia não paravam de mexer encostada na mesa.O celular de Alberto tocou na hora.



-Não atende.Não para .Continua,mais rápido.



-Vou atender,mas não vou parar.



Sem parar de bombar ele atendeu o celular.Era Matilde.



-Oi querido!-Matilde falou.



-Oi querida.-Alberto se fez de feliz.Enquanto comia o cu da secretaria e massageava com a mão sua xota.



-Tenho uma noticia.-Matilde estremeceu no outro lado da linha.Seu amante lhe fazia um oral maravilhoso.



-Qual é?



-Minha sobrinha,a Julia.Vai passar um tempo com a gente.Matilde estremeceu de novo com o dedo com o dedão do amante entrando em sua buceta.



-É mesmo?-Alberto saiu do buraco de Silvia e fez sinal para que ela se virasse.Silvia entendeu e sentou na mesa com as pernas arreganhadas.Alberto mergulhou gostoso em sua xota molhada.-Tá ok.



Alberto desligou o celular e jogou-o para longe.Silvia deitou sobre a mesa e deixou Alberto fazer o trabalho todo.



-Ai,ai,gostoso.Mais rápido.-Ela gritava enquanto Alberto passava a língua para massagear seus peitos fora do sutiã.







Enquanto isso.Matilde assumiu o controle da cama e sentou em cima do pau do amante e cavalgou.Ele pegou um objeto de plástico igual a um penis e enfiou todo na bunda dela.



-Esta tudo pronto para nossa viagem amor.



-Você é muito má sua tesuda.



-Você não conhece minha sobrinha.Ela vai fazer o cara de cu do meu marido perder a cabeça.







Matilde quando chegou a noite arrumou suas malas para viagem.Alberto não reclamou.



-Mas e sua sobrinha?



-Ela vai ficar aqui e você vai ficar de olho nela.Não dá para adiar a viajem.



No dia seguinte,assim que Matilde saiu,Julia chegou.Uma loura muito gostosa.



Usava roupas curtas e sensuais mas sua cara era angelical.Alberto teve vontade de come-la ali na hora,mas a garota com um corpo de atriz pornô.



Alberto começou a classificar a convivência com Julia durante uma semana,como 5 coisas que ela fez para deixá-lo louco de tesão.







1º:No dia de sua chegada Julia perguntou se poderia tomar banho na piscina.Ele disse que sim.Quando ele esperava que ela colocasse um biquíni,ela pulou na piscina de vestido mesmo.Ao sair ,ela lhe pediu uma toalha e quando entregou o vestido dela estava todo colado em seu corpo,mostrando os mamilos durinhos e sua xoxota cabeluda.











(...)

 

Gostou? Vote no Conto:

38656 visitas