Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Ajudando uma virgem a dar | Acervo de Contos

Ajudando uma virgem a dar

Certo dia estávamos na casa de uma amiga minha, quando chegou a filha de uma das vizinhas dela. A garota chegou perguntando sobre uma festa que teria numa boate. Ela queria ir, mas a mãe dela vetou dizendo que ela só iria se fosse acompanhada de uma pessoa de confiança, porque tinha ouvido falar muito mal dessas festas em boate. A mãe dela era muito conservadora e nunca deixava que ela saísse sozinha. Ela tinha poucos amigos e vivia presa em casa. Depois chorou e disse que às vezes tinha vontade de fugir de casa. Perguntou se a gente iria e se podia ir conosco. Nós ligamos para a mãe dela e ela consentiu, mas disse que só deixaria se ela voltasse cedo e se nós deixássemos ela na porta de casa. Assim, combinamos tudo e no dia, fomos nós três e o irmão da minha amiga. Na metade da festa um dos nossos amigos nos chamou para ir à casa dele. me despedi do meu irmão e saímos mais ou menos à 1 da manhã e fomos direto para lá: eu, minha amiga, nosso amigo e a filha da vizinha, que tinha bebido bastante. No caminho, nós fomos na frente e o cara e minha amiga sentaram atrás, eles já tinham conversado durante a festa e continuaram o papo no carro. De repente, vi pelo retrovisor eles se beijando. Pensei, se essa guria ainda for virgem vai dar problemas para nós. Chegando lá tomamos vinho e vodca e comemos um tira gosto enquanto ouvíamos música. Ele chamou a garota para a varanda e quando olhamos os dois estavam se beijando e logo depois no maior amasso. Ficamos ali mais um tempo e lá pelas quatro chamamos a garota para ir embora. Nesse meio tempo eu e minha amiga fomos ao banheiro para nos beijar escondido, para passar o tempo enquanto dávamos uma colher de chá para a garota, que queria tanto se divertir. Depois fomos embora e ela nos agradeceu muito. Durante a semana ela ligou para minha amiga dizendo que tinha pego o telefone do cara e queria se encontrar com ele, mas sua mãe estava vigiando direto. Perguntou se uma de nós duas topava levá-la até a casa do cara escondido, dizendo para a mãe dela que íamos ao cinema. Minha amiga me ligou e combinamos de levá-la no apartamento do cara, já pensando na oportunidade que teríamos de ficar juntas sem ninguém pentelhando, já que não tínhamos coragem de ir sozinhas ao motel. A garota estava toda animada, nos disse no carro que queria perder a virgindade e que teria que ser naquele dia. Levamos um susto e ficamos preocupadas com a consequencia, pois já estavamos nos arriscando para ajudá-la. Quando chegamos na casa do carinha, ele já tinha bebido umas cervejas, era umas seis da tarde mais ou menos, ele saiu do trabalho mais cedo e comprou uns aperitivos pra gente. O cara abriu a porta e olhou para ela de cima a baixo e sacamos que ele tinha a mesma intenção e que até talvez tivessem já combinado por telefone. Aquele olhar me deu tesão, dei um abraço em meu amigo e disse baixinho: - Calma, que a ovelha vai se assustar com a sua sede. Depois, quando estávamos sentados bebendo eu cochichei com ele que ela estava doidinha para dar e que se ele quisesse a gente ajudava ele. Ele sorriu malicioso e perguntou: -Como? Eu disse: Veja! Chamei a garota e disse, vem cá senta aqui perto da gente. Ela veio e começamos a conversar para distraí-la. Falei para ela para fazermos a brincadeira do beijo, quem der o beijo mais safado ganha. Ela topou e eu sentei no colo do meu amigo e beijei gostoso, ele correspondeu. Depois eu falei para ela sentar no colo dele também e fazer o mesmo, depois minha amiga faria. Ela sentou meio sem jeito, dava para ver que estava pouco à vontade. Ele abraçou sua cintura, passou a mão em seu rosto e lambeu seus lábios, abrindo sua boca aos poucos e depois abocanhou seus lábios e sugava a língua dela bem gostoso. Enquanto isso coloquei a mão dele na bundinha dela e ela se remexeu gemendo. Cochichei para ela: - Fica quietinha que nós vamos te ajudar a relaxar. Ela me olhou assustada e meu amigo puxou-a para continuar o beijo. Seu pau estava quase pulando para fora da calça. Passei a mão em suas pernas e ela foi abrindo as pernas pouco a pouco, automaticamente, conforme eu ia subindo a mão por dentro de sua saia. Olhou para mim com um olhar lânguido, de quem não tem mais forças e fechou os olhos arqueando seu corpo para trás. Minha amiga nesse momento chegou perto dela e acariciou seu rosto beijando de leve ao redor da boca e foi enfiando a língua aos poucos entre seus lábios. Ela se remexeu e começou a sugar a língua de minha amiga com tesão. gemia baixinho e meu amigo estava quase babando. Eu pedi para ele ter mais um pouco de calma. Então ele foi descendo a blusa dela pelo ombro devagarinho, beijando ao redor do seio, até chegar ao mamilo durinho. lambeu e começou a sugar, depois chupava com vontade, até quase engolir o seio da moça. Não suportando ver aquela cena, beijei suas coxas e passei a língua por cima de sua calcinha na altura do grelo. Ela gemeu alto e abriu ainda mais as pernas. afastei sua calcinha para o lado e passei o dedo em sua xana, estava molhada e cheirosa. pedi para meu amigo segurar uma de suas pernas enquanto eu segurava a outra. enquanto isso minha amiga já chupava seu outro seio e segurava sua cabeça. abri bem suas pernas e dei uma lambida de baixo para cima. enquanto os dois chupavam seus peitos durinhos. comecei a lamber seu grelo, e ela gemia cada vez mais alto, enfiei a língua em sua buceta cheirosa e ela segurou minha cabeça. chupei então com toda a gula e puxava seu grelo entre meus lábios. meu amigo não estava aguentando mais e pediu para ela chupar seu pau. nós descemos ela do colo dele, ela se ajoelhou e chupou com vontade e ele empurrava a cabeça dela para baixo, doido para gozar. eu e minha amiga ajudamos ela a fazer o boquete. chupei seus testículos enquanto minha amiga ajudava a garota a chupar a rola. sentindo que ele ia gozar, pedi que parassem e chamei a garota para o quarto. deitamos ela na cama, com as pernas bem abertas e disse: - nós vamos te ajudar a dar para ele, você fica bem quietinha que ele vai fazer devagar. Ele se posicionou na frente dela de joelhos, nós chupamos sua pica e depois levamos para a buceta dela. ele empurrou um pouquinho e ela gemeu, ele empurrou mais e ela gritou, disse que estava doendo. eu comecei a chupar seu grelo para ela relaxar, enquanto a pica entrava devagarinho e minha amiga chupava seus seios gostosamente. ficamos assim um tempo, até ela se acostumar com a pica. meu amigo ficou metendo nela devagarinho entrando e saindo a cabeça, empurrando mais, e esfregando a pica no grelo e na buceta. Mas depois, não aguentou mais, segurou na cintura dela, empurrando tudo e começou a cavalgar, ela gemia alto e arranhava as costas dele, mordia e gritava. De repente, ela começou a gozar, pedindo para ele enfiar mais, ele montou em cima dela com gosto e enfiou tudo, abrindo mais suas pernas. Depois gemeu alto e seu corpo estremeceu todo. gozaram juntos. ela o abraçou e ele caiu em cima dela. Ela disse que precisava descansar. Ele saiu de cima dela, e eles ficaram descansando. Eu e minha amiga, que já estávamos em ponto de bala, fomos para o chão, no tapete e começamos a nos beijar, ela chupou meus peitos, passou a língua no meu cuzinho e chupou minha buceta por um bom tempo, depois eu virei para uma posição 69 e nós ficamos nos chupando até gozarmos. Meu amigo já estava de pau duro de novo e enfiou na minha boca e segurou minha cabeça. eu estava de joelhos e ele em pé. chupei seu saco, um de cada vez. ele me colocou de quatro, lambeu minha bunda, depois colocou a cabeça da rola e enfiou a metade da pica, eu gritei e ele me segurou e enfiou o resto todo de uma vez. cavalgou em cima de mim até gozar, eu também gozei com as suas estocadas. enquanto isso, minha amiga tinha colocado a garota para chupar a buceta dela. depois ela pediu que minha amiga chupasse mais seus peitos e seu grelo e gozou na boca dela. quando meu amigo saiu de cima de mim, fomos até a cama e colocamos a garota deitada de barriga para cima, com as pernas abertas e cada um chupava sua buceta e seu cuzinho. ela gemia e disse que queria ser nossa puta. pegamos uma rola que meu amigo trouxe e enfiamos devagar no seu cuzinho e meu amigo comeu de novo a buceta dela, ela gritando de prazer e de dor. colocamos o som um pouco alto para abafar os gritos. depois, fomos descansar e tomar um banho. ligamos para a casa da garota dizendo que ela dormiria lá em casa, a mãe dela não ficou nada satisfeita e disse que queria ela lá bem cedo. perguntamos se ela ainda aguentava mais alguma coisa, ela disse que queria dormir. colocamos um filme pornô e ficamos comentando as cenas, até que ela começou a bater uma siririca. colocamos ela de lado, meu amigo chupando a buceta dela, eu chupando seu cuzinho e minha amiga chupando seus peitos. ela gozou tanto que quase desmaiou. dormimos todos abraçados, e de manhã tomamos café e falamos para ela que tínhamos ajudado ela a ter a primeira vez, mas, quando quisesse repetir a dose era só nos chamar. meu amigo beijou ela longamente, e perguntou quando ela voltaria lá. ela disse que tinha uma amiga dela do colégio que sonhava em participar de uma suruba, que o namorado tinha comido ela, mas ela não sentia muito prazer. combinamos então de ver com a menina se ela gostaria de realizar sua fantasia. levamos ela para casa. depois, fomos para a casa da minha amiga. desde então fazemos loucuras juntos. quando essa amiga dela aparecer, meu amigo planeja trazer um primo dele para participar das nossas festinhas. Beijos. Se acontecer eu conto.

 

Gostou? Vote no Conto:

18/09/2009 | 66418 visitas

 

Comentários

  • Natalia postou em 01/04/2012

  • Natalia postou em 01/04/2012

  • Josy postou em 22/03/2012

    hum adorei tenho 16 animhos e ainda sou virgem e adoro uma fatazias meio loka

  • CRYSLOW postou em 21/11/2011

    HUMM QRO UM ENCONTRO PARA PRAZER TOTAL, TENHO 30 ANOS E AINDA SOU VIRGEM,SERA Q TEM UMA MENINA AFIM DE ME MOSTRAR TUDO

  • dany postou em 13/08/2011

    Queria ter uma amiga que me ajudasse tbm... Tô toda molhadinha aki querendo tirar minha virgindade...

  • carlos postou em 28/02/2010

    me add no msn..cen0865@hotmail.com...tbm quero meter em vc..bjs Carlos

  • fabio_bispo_fbs@hotmail.com postou em 05/02/2010

    nossa queria participar de uma suraba assim quem quiser me convidar me add no msn ou no e-mail
    e manda uma mensagem

  • catarina postou em 31/12/2009

    esta um pouco confuso

  • larieza postou em 30/12/2009

    nosa, que gostoso, queria estar lá pra te comer tbm.

  • marye postou em 03/11/2009



:D :P: :afff: :confiante: :convencido: :convite: :decepcionado: :derrota: :descrente: :encucado: :fascinado: :lagrima: :legal: :meia-boca: :no:

  confirmacao * Todos os campos são obrigatórios