Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
safadas videos de sexo bundas videos de sexo porno sexo

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Tudo em familia! | Acervo de Contos

Tudo em familia!

oi, meu nome é Izabela(apelido:bela ou iza). bem o que vou contar é verdade só vou mudar os nomes com exceção do meu q é um nome comum.Isso aconteceu a 4 anos atras, e era um pouco timida, por isso ainda era virgem, de tudo mesmo, so tinha dado uns beijinhos nos rapazes da escola nada de mais , muito sem graça mesmo, pois eles nao me interessavam.bem, eu moro com meu pai e meu irmão q é 6 anos mais velho q eu.tudo aconteceu quando eu e meu pai estávamos sozinhos em casa. ele é bonitao, viuvo a 10 anos, fortao e muito conservado. nos somos muito unidos, e nesse dia o meu mano tava na casa de um amigo, ia passa o fim de semana lá. tava chovendo muito(ue morro de medo de tempestades) e nesse dia tava um horror, eu tentei dormir mas nao consegui, ja era 1 da madrugada quando nao aguentei mais, sai do meu quarto e fui na direçao do fim do corredor q ficava a suite do meu pai, eu nem bati, abri a porta e entrei na ponta do pé, quando estava na beirada da cama o chamei de em voz baixa, ele se viro pro meu lado, estava lindo, com o lençol cobrindo só da cintura pra baixo, o peito com pelos escuros cobrindo a pele morena e mascula,o abdômen   de tanquinho mesmo.eu disse q tava com medo de ficar sozinha, ele sabia do meu medo. ele me olhou de cima a baixo. eu tava  com minha camisola se sempre, fininha,cor-de-rosa, e curtinha. eu sou magra, peitinho pequenos e durinhos,cintura fina bumbun empinadinho, meus cabelos negros e lisos estavam desgrenhado, os olhos verdes arregalados de medo. ele me olho e sem dizer nada afastou o lençol e bateu no couxao. eu deitei e ele me cobril, e me abraçol. foi tao gostoso e qentinho q adormeci logo.nao sei bem quanto tempo depois eu senti uma coisa tao gostosa, me acariciando, era como se uma boboleta passasse nos meus peitinhos e na minha barriga e em cima da minha chaninha. tava bom eu soltei sem querer uns gemidos e foi ficando mais gostoso, minha chaninha ta umida eu nao queria abri os olhos. mas quando senti algo molhadinho chupa de leve meu peito abri meus olhos, me assustei ao ver meu pai do meu lado debruçado sobre mim,me afastei, ele tava assustado,começou a pedir desculpa dizendo q tava sonhando.eu tava era ja com saudades da mao dele me tocando.-pai nao para nao.eu disse sem pensar .tem serteza bela. ele perguntou. eu disse sim, ele hesitol no q pareceu uma eternidade, ele me olhou e eu fechei os meus com vergonha, ai eu senti a mao dele tirando a minha camisola,eu fiquei so com minha calcinha q era pequena e branca.senti a mao dele passar por meu pescoço, meu ombro, meus peitinhos, minha barriga. parecia q onde a mao dele passava queimava como uma larva de vulcão.a mao dele chegou em cima da minha calcinha.humm.eu pirei, ele tava calteloso, ai eu senti algo roçar minha perna duro e grande. meu pai me perguntou: vc ja fez isso antes? nao. eu respondi. ele disse eu vou fazer bem gostoso e de mancinho, sim pai. eu respondi,. nao me chame de pai aqui na cama, diga meu homem?eu disse. meu homem,meu. ele me deu um beijo na boca, meu primeiro beijo de verdade, voraz,gostoso, sua lingua invadindo minha boca, procurando a minha, eu respondi,passei meus braços em seu pescoço e puxei ele pra mim meus dedos acariciando os cabelos da nuca dele.as maos dele foram me alisando ate chegar na minha chana,por cima do tecido ele começo a me alisar com o dedo do meio ele esfregava meu clitoris sem para de me beijar,eu arqueei o corpo de encontro aquela mao q tava me dixando loca.ele foi descendo a boca me beijando ate chegar nos peitinhos,beijando, lanbendo,e comeco a chupa devagarzinho depois com mais força, ate coloca ele todo na boca e dp ficar mamando nos meus mamilos q tava duro e dolorido, muito bom.a mao passou do elastico e foi acariciando minha chana, q tava ensopada.eu disse :mais.ele foi descendo cm beijos ate chegar na onde eu queria aquela boca gostosa.]ele disse q era a chana mais linda q ele ja vira.e deu uma lambidinha de leve . eu pire e me contorci toda, ele viu q eu gostei e caiu d boca,me chupando como um doido.mordendo meu grelinho, chupando ele, beijando muito gostoso, a lingua me deixo ainda mais molhada, eu sentia uma coisa estranha vir da minha coluna, ir pela minha barriga, quando a lingua dele invadiu meu buraquinho, eu apertei a cabeça dele contra mim, gemendo alto, foi meu primeiro goso,eu tremi toda me contorci, enquanto ele continuava chupando meu grelinho.ele foi subindo e fico em cima de mim,eu toda suada querendo mais,e disse pra ele: me faz mulher,por favor.afora.  ele riu e disse agora. me beijo ainda mais gostoso, foi ai q notei q ele tava nu e senti aquela pica enorme me cutucando grossa pulsando ele foi me alisando de novo, ai foi colocando seu pau devagazinho.tava doendo mas eu nao disse so gemia, entro a cabeça eu nao aguentava mais queria tudo foi mais um pouco,ai q delicia.quando entro metade eu urrei ele paro me beijo e enterro tudo a boca dele me impediu de grita. ele fico parado disendo q ia passa , e passo um pouquinho depois eu comecei a me mexe em baixo dele devagar, ele comeco um vai e vem lento quase tirava depois botava tudo,eu ia ao encontro dele . ele fico ofegante fico mais rapido estocando ate o fundo,eu sentia seus pelos esfregar meu grelo, ele tava tao doido q me ergia nas estocadas,nao aguentei e comecei a gosar e tremer, ele tmbn tremia,seu corpo ficou rigido ele foi bem fundo e me seguro assim enterredo em mim.gosando,seu gemido no meu ouvido,senti um jato forte me percorrer,quente.ele fico por cima de mim um tempinho depois rolo pr lado me levando junto me abraçando,ele tava calado,eu com a cabeça no seu peito disse eu quero mais, ele me olho e riu,eu beijei o peito dele o abdômen e fiu descendo pra onde eu queria ir.olhei pela primeira vez um penis , tava mole mas mesmo assim era grande e grosso, dei um beijinho nele q deu sinal de vida na ora, adorei,ele gemeu eu coloquei a cabecinha na boca dei uma chupadinha,o gosto era estranho mas eu tava exitada queria mais. ele reviro os olhos ja com tesão fui chupando,botando mais lambi ele coloco a mao na minha nuca e comeco a fude minha boca com muvimentos de vai e vem eu pegei o jeito.ate q coloquei tudo na boca, ate sentir quase na minha garganta,ja tava duro como roxa e muito grosso,deliciaele me fez para me ergueu e disse quer mais bela?quero.ele me fez ficar de quatro na cama na beirada da cama, ele de pé começa a chupa minha bucetinha recen estreada q tava ardendo e meio dolorida,ja piscando ele lambia do grelo ate meu cu,ele tmbn pisco pela atencao recebida ele se ecaixo por tras e foi enfiando na minha bucetinha com mais força q na primeira vez, enfio de uma vez,eu urrei de prazer,e comecei a mecher meu corpo pra frente e pra traz.ele socava ate o talo eu sentia seu saco batendo na minha chana, ele tava um animal dessa vez me estocando e gemendo me segurando pela cintura. apertando minha carne, me trazendo de encontro ao seu corpo eu gozei rapido mas ele nao tinha terminado estocou mas vezes eu cai ezáusta ele me pos de lado e comeco a passa o pau duro no meu cuzinho, so na entradinha de ladinho eu tava toda entrege deixei, ele foi enfiando devagar so a cabecinha no comeco,doeu mas ele dizia coisa bonitas no meu ouvido me elogiava, dizia q era o sonho dele me comer desde q tinha 14 eu me derreti. mas tava doendo ele tiro passava mo meu meuzinho e tento denovo,foi entrando entrando eu aguentei firme quando entrou fudo eu quase desmaiei ele me abraco por traz beijo minha orelha meu pescoço minha nuca eu me derreti de tezao,com um pau de 20 cm mo rabo, ai ele começo a mexer nos estavamos em conxinha bem coladinhos, ele mexia de vagarzinho,gostoso.ele nao aguento o meu anelzinho apertando o pau dele foi aumentando a velisidade das estocadas mais fundo mais fundo sua mao direita entro ma minha chana molhadicima 1 dedo depois 2 e 3 com os impurroes os dedos iam mais fundo, aquelas doreszinhas  no cu e na raxa me enlouquecerao eu esplodi num goso tao bom , melhor q todos os outros, sendo preechida nos dois buraquinhos,com gemidos na nuca e o alito dele no meu ouvido,eu gritetei gozando. ele gozo enchedo meu rabo de porra,enfiando os dedos mais fundo ainda, tremeido.muito mais tarde nos conversamos muito. ele me disse q me ama como filha e tmbn como mulher, q tinha sido a melhor tranza da vida dele , mas q se sentia culpado por ter tirado o cabaço da propria filha,eu o beijei no ombro e disse q na cama, euqueria ser mulher dele, fora dela sua filha e q estava muito feliz dele ser meu primeiro homem.nos fisemos um trato, eu nunca o chamaria de pai quando estavamos na intimidade,tomamos banho fizemos mais umas brincadeiras muito boas.dumimos juntos coladinhos.apartir dai eu me tornei tmbn sua mulher.eu o amo ainda mais agora q antesele me encina demais,fiz de tudoo com ele.
quem ler isso nao me critique eu so quero ser feliz e ele me faz uma mulher muito feliz e realizada.....depois conto a vcs como eu e meu irmao nos envolvendo....beijos e muitos gozos pra vcs.....xau.         

 

Gostou? Vote no Conto:

09/03/2011 | 107332 visitas

 
 
 
sexo anal filmes porno videos porno