Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Segredos de uma mulher casada | Acervo de Contos

Segredos de uma mulher casada

As coisas acontecem, a gente nem sempre consegue entender por que.Eu,  uma mulher casada,  bem resolvida,  um bom marido,  filhos adolescentes, mas ajuizados, enfim,  uma vida que não poderia ser melhor.  Aliás,  a vida da gente, boa ou má,  só passa a ter uma definição mais correta quando você a compara.  E comparar é muito fácil.  A Aline,  minha amiga,  casada com o Douglas,  tem uma vida bem diferente da minha. O Douglas apesar de tratá-la bem,  vive dando em cima das mulheres que aparecem.   Aproveita de seu estilo brincalhão e aproveita-se disso.  Não raro ouço a Aline reclamar de que ele a esta traindo.  É apenas uma possibilidade,  mas considerando o jeito do Douglas ser,  pode muito bem ser verdade.  Meu marido Claudio já se aborreceu com o Douglas.  Um dia, em um churrasco,  depois de beber muito,  o Douglas disse ao Claudio que eu era uma mulher muito gostosa.  O Claudio se aborreceu com isso,  me preveniu sobre ele e daquele dia em diante eles esfriaram um pouco as suas relações,  ao contrário de mim e da Aline,   estávamos sempre juntas falando e comentando sobre as nossas vidas.Um dia a Aline me chamou em sua casa para conversarmos.  Quando cheguei encontrei uma amiga chorando copiosamente.  Sem entender eu a abracei e quis saber a razão de tanta tristeza.  Ela passou para mim um bilhete que havia encontrado no bolso da calça do Claudio em que tal de Vera comentava sobre seus encontros com Claudio e pedia para que ele a encontrasse mais vezes na semana.Se até então havia alguma dúvida quanto à fidelidade do Claudio,  daquele momento em diante não havia mais.    A Aline revoltada me confidenciou que iria dar um troco.Semanas se passaram sem que se  discutisse esse assunto.  O Claudio nada comentou e a Aline passou esse tempo ausente justificando um aumento de seu trabalho.Chegou o dia do aniversario do Douglas e a Aline convidou a todos para a festa que realizaria.  Mesmo a contragosto Claudio aceitou e la fomos nós.   A festa estava animada,  muitas pessoas desconhecidas,  alguns conhecidos nossos e assim íamos de canto em canto conversando e bebendo.   Altas horas o Douglas já estava bem alto e cantava todas as mulheres que passavam perto dele.   Dei por falta da Aline e com vontade de ir ao banheiro,  subi as escadas e aproveitaria para ver se a Aline esta por lá.  Quando me aproximei do quarto dela,  ouvi  uns sons estranhos e pé a pé aproximei-me da porta que estava entreaberta.  O que vi  me deixou atônita a Aline de costas,  atrás dela um homem que não reconheci,  a apertava fortemente e suas mãos levantavam seu vestido e massageavam sua buceta por cima da calcinha.  A cena me fez molhar imediatamente.  Seus gemidos contidos mostravam que ela estava gozando.  Lançando-se para traz e beijava o homem que continuava com suas mãos na sua buceta.   Meio desnorteada acabei batendo o cotovelo na porta e não consegui evitar que eles me vissem.  Desci as escadas rapidamente e juntei-me ao meu marido.  Sentia uma forte umidade a exalar de minha buceta.No dia seguinte a Aline vem a minha casa.  Um pouco sem jeito me conta que conheceu o Aderbal em seu trabalho e que já vem mantendo relações com ele há algum tempo.  Perguntei se não temia que o Douglas descobrisse.  Fiquei espantada quando me diz que ele já sabia e admitia.   Desde que ela descobriu o bilhete em seu bolso,  fizeram um pacto onde cada um,  mantendo as aparências,  poderia ter a vida que quisesse.  Fiquei  estarrecida,  mas ao mesmo tempo excitada.    Mais calma a Aline passou então a contar a grande transformação que ocorrera em sua vida.  O tesão que até nem mais sentia,   era efervescente,  e o sexo passou a ter uma importância em sua vida que nunca tivera antes,   ajudando-a  a ser mais feliz de uma maneira geral.Num momento da sua conversa ela me diz sorrindo:  ?  você tem que experimentar,  tenho certeza de que vai gostar e nunca mais vai querer outra vida ?    ralhei com ela;   ora,  como poderia viver com minha consciência indo para a cama com outro homem??   Ela então retruca,  amor,  isso passa !!!!Essa conversa permaneceu muito tempo comigo,  e não posso negar,  ela me excitava.  Com o passar do tempo,  até pelo fato do Claudio não me procurar tanto,  a idéia de dar a um outro homem começou a ter algum sentido.Certa vez,  ao sair do meu trabalho,  eis que me encontro com a Aline saindo também do seu.   Como começava a  chover,  ela me convidou a dar uma paradinha num barzinho para tomarmos um chopinho enquanto a chuva não passava.    Mal nos sentamos ela avista em uma mesa próxima um homem que lhe sorri.  Ela retribui o sorriso e o homem se aproxima da mesa.  Incomodada cutuco-a por baixo da mesa.  Ela fazendo de conta que não percebe, levanta-se da um selinho e um abraço nesse homem,  em seguida me apresenta,  seu nome é Rodrigo e se conheceram há algumas semanas atrás.  Ela o convida a sentar e começamos a conversar animadamente.  Meu marido me chama ao celular e lhe digo que estou esperando a chuva passar para ir embora,  ele me avisa que esta em uma reunião e que não teria horário para chegar em casa.  Volto a prestar atenção na conversa e percebo que o Rodrigo encoustou-se mais na Aline,   podia até perceber que ele passava as mãos em suas coxas por baixo da mesa.  Subitamente um homem se aproxima da mesa.  Alto,  moreno,  sorriso encantador se dirige ao Rodrigo que ao vê-lo, levanta-se e o abraça efusivamente.  Ele é então apresentado,  seu nome é Sidney e são amigos de infância.  Convidado a sentar,  Sidney começa a falar de sua vida,  de sua família,  é casado,  tem filhos também adolescentes mas passa por uma fase ruim em seu casamento.  Revela-se carente.   Conversa vai conversa vem,  percebo que o Sidney se aproxima um pouco mais de mim.  Mesmo mais altinha por conta dos chopinhos, percebo que ele toca sua perna em minha perna.  Mantenho a aparência e me afasto de seus toques,  ele então se aproxima mais e me toca novamente.  Já começo a ficar com raiva de sua insistência,  mas inegavelmente,  começo a me excitar também.  A Aline então levanta para dançar.  Sidney me convida e fico na duvida se devo ou não,  mas,  como a chuva insistia em continuar,  penso que uma dança não seria problema.  Quando nos juntamos na pista,  Sidney me enlaçou a cintura e encostou seu corpo no meu e seu rosto em meu pescoço.   Suas mãos perto da minha bunda,   seu pinto duro na direção de minha buceta e seus lábios roçando meu pescoço começaram a me levar às alturas e todas as minhas resistências começaram a ser minadas.  Acho que ele percebeu minha respiração entrecortada,  e suavemente virou o meu rosto e me deu beijo nos lábios... acho que eu os abri porque quando percebi,  sua língua já se apoderava de minha boca.Senti que cheguei a um ponto de difícil retorno...
Continua... 

 

Gostou? Vote no Conto:

26/11/2011 | 84730 visitas

 

Comentários

  • beco postou em 26/02/2013

    Mande o seguimento
    Bom conto

  • karlos postou em 12/10/2012

    meu nome e karlos adorei o conto se quize manter contato .msn .raimundo_sudario@hotmail.com    foni  99 8163 8544  mande sms

  • caio comedor postou em 25/09/2012

    sou pessoa de bem n bebo nem fumo e nem tenho nenhun tipo de vicio,
    apenas gosto de curtir a vida com kem gosta das mesmas coisas q eu,

    adoro comer uma esposa na frente do maridão, e da prazer a ela e deixar o maridão realizado,

    so faço o combinado, sou e,ducado e discreto, tudo q for combinado será feito nada a mais.

    Se o maridão me deixar a vontade pra transar com a esposa e com a permisão dele eu posso fazer do meu jeito.



    Adoro, ficar namorando com a esposa, sarranado na bunda dela roçando meu pau no rabo da esposa, pegando nos peitinhos dela,

    depois abraço ela pela frente apertado pra ela sentir minha tora na bucedtinha e enquanto isso vou passando a mão na bunda da esposa,

    tudo isso na frente do marido,

    pra deixar ele doido vendo a esposa namorar e sarrar com outro macho.



    depois disso , vou adorar fazer a esposa gemer na minha boca, da meu pausão pra ela chupar na frente do marido, engolirmeu pau e me chhupar gostoso e se o marido kiser beijar a esposa eu deixo, de vez enquando ela tira o meu pau da boca e chama o marido e da um beijo nele.



    vou adorar manda a espos bater uma punheta em mim pro marido ver a esposa punhetar outro macho,

    depois vou fazer tudinho do jeitinho q adoro,



    como eu gosto de encher a bucetinha da esposa de porra, deixar ela toda meladinha, ensopada cheia do meu leitinho, pro mairido chupar a esposa e depois fuder sua dama toda larga e melada.



    Se vc se enteressar poderemos ser grandes amigos e kem sabe amante da esposa,

    To kerendo achar um casal pra q eu poossa ficar fixo.

  • santana postou em 25/04/2012

    amiga puta é assim mesmo vice jogando as outra para o mau caminho , as besta ainda cai na delas , depois o marido descobre e acabouce casamento, te pergunto valeu apena?!@

  • Não da sua conta postou em 03/03/2012

    Essa putona ja queria dar faltava coragem!

  • Bruno js postou em 07/01/2012

    Que conto heim?Ofinal não precisa nem contar,eh claro que ela deu a buceta p/o kra,coitado do marido corno mais isso eh normal em contos,todos eles são iguais...

  • RuiSeñor postou em 20/12/2011

    Gosto muito de contos eróticos que envolvem mulheres casadas.
    Sonho um dia minha mulher fudendo adoravelmente com outro macho.

  • marcão postou em 20/12/2011

    traiu  o  seu  marido ou  não  :

  • paulo antonio postou em 13/12/2011

    O conto não é ruim de todo, mas a insegurança versus libido são inconsistentes. Se ao ver a amiga com um na cama já lhe deu tesão, se a falta do marido já não lhe deu iniciativa para se transformar a série de coincidências finais são mera ficção...

  • Marcos postou em 11/12/2011

    Eu não entendi o começo por isso nem li o conto. Afinal. Quem é seu marido? O Claudio ou o Douglas?

  • marcos postou em 09/12/2011

    pq nao cont essa merda ate o fim ´porra

  • Day postou em 06/12/2011

    Caraca fiquei curiosa pra saber o final...

  • ivanildson pereira da silva postou em 05/12/2011

    prende a atençao da gente

  • Zilmar Ferreira Lopes postou em 03/12/2011

    O conto é muito bom, a narrativa é excitante.



:D :P: :afff: :confiante: :convencido: :convite: :decepcionado: :derrota: :descrente: :encucado: :fascinado: :lagrima: :legal: :meia-boca: :no:

  confirmacao * Todos os campos são obrigatórios
 
 
Faça Sexo Pelo Telefone Selecionamos as mulheres brasileiras mais gatas, gostosas e safadas estão esperando para ter sexo no telefone. www.sexopelotelefone.com
Quer fazer sexo? Ligue já para: 091 17 7878-0270 e veja perfis com vídeos de mulheres gostosas buscando um homem safado! www.sexopelotelefone.com
Sexo por telefone Mulheres procurando por sexo, ligue já para: 091 17 7878-0270 e encontre sexo em poucos minutos! www.sexopelotelefone.com
Disque Sexo Gatas deliciosas prontas para muita putaria no telefone, é só ligar: 091 17 7878-0270 www.sexopelotelefone.com
Disk sexo - Tele Sexo Mulheres dispostas a realizar os seus desejos, basta ligar e pedir que a sua fantasia será realizada. www.sexopelotelefone.com