Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Minha putinha | Acervo de Contos

Minha putinha

Vou contar uma das muitas aventuras que tive com Silvia (verídico) minha segunda mulher.Após me separar resolvi dar um tempo e mudei de cidade, mas como a cidade que eu estava morando era muito monótona, por volta do mês de outubro de 2004 eu voltei para a minha após um tempo fora. Estava eu em frente à casa de minha mãe conversando com uma amiga, (VIVIANE) contando o que eu havia feito por lá, e Vive dizendo que tinha sentido minha falta essas coisas de amigos, mas para minha doce surpresa chegou Alessandra (verídico) loira magra mais ou menos 1,65 de altura.Cara de safada, todos dizem que ela era (biri-biri) lésbica, mas eu sabia que ela gostava de mamar um pau chegou com aquela baixinha (Silvia tem 1,56, na época 50 kl uns peitinhos de causar inveja a qualquer menininha de 12 anos uma bunda deliciosa proporcional empinadinha branquinha). Quando Alessandra me viu correu e me beijou (tínhamos a mania de dar um beijo de leve nos lábios) dizendo que estava morrendo de saudades e eu logo perguntei se a amiga dela não beijava.Silvia me olhou com desdém e seguiu foi para casa de minha irmã que era no mesmo terreno, alias, casa que eu moro hoje por aquele dia nada aconteceu de novo eu sai com uns amigos e fui tomar uns tragos (como chamamos no rio grande do sul), mas não cheguei se quer ficar tonto ali pela uma e pouco voltei minha mãe me viu chegar e foi pro meu quarto ficamos conversando sobre vários assuntos foi quando eu disse pra minha mãe que ia pegar aquela menina que tinha vindo na casa de minha irmã (disse o nome) foi então que minha mãe disse que aquela eu não comia (minha mãe é bem liberal comigo) eu disse que então era o que nós íamos ver, que eu ia fazer qualquer coisa pra foder ela e até apostava se minha mãe quisesse, minha mãe deu risada e disse essa eu pago pra ver o tempo passou e como eu quase não tinha tempo pra ficar em casa dividido entre academia clube e alguns trabalhos.Silvia começou a namorar com um amigo meu, mas eu percebia que sempre que eu estava perto ela (cortava) ?desdenhava? do carinha tinha vezes que eu ficava com vergonha do modo que ela agia numa tarde que não lembro o motivo eu não sai ela veio pra casa de minha mãe passamos a tarde de bobeira minha mãe pediu se ela lavava a calçada pra ela, Silvia pegou a mangueira e começou a lavar eu pedi pra ajudar disse que eu ia molhando e ela varrendo afinal não podíamos gastar muita água teve um momento que ela respingou água em mim eu disse que ia me vingar e dei-lhe um banho ela molhadinha meu Deus aquilo me excitou na hora ela disse que eu era louco como que ela ir pra casa eu disse pega  uma bermuda e  uma camiseta minha, ela disse e o meu namorado? Eu disse que se foda ele se ele gostasse de você não te deixava toda hora aqui em casa, ela se parou de boba e deu uma risadinha eu ficava doido quando ela fazia aquela cara de putinha ela ficou uma delicia com minha bermudona e uma camiseta minha, minha mãe ainda quis m e destratar que não era pra mim judiar a menina eu disse ?há mãe judiar se eu não deixasse ela pegar minhas roupas? como minha sabia o que eu queria deixou as coisas como estavam no outro dia ela trouxe minhas roupas limpinha eu ainda reclamei dizendo que quem tinha mandado ela lavar eu queria ficar com o cheirinho dela, ainda fui sarcástico e disse principalmente na bermuda ela só riu e disse quem sabe se você se comportar ganha outro presente ai fica com meu cheirinho, quando as coisas estavam esquentando tocou meu cel. Era os guris avisando que já iam descer me buscar eu disse vou cobrar esse presente. Desde aquele dia, comecei a perceber que sempre que eu chegava ela dava um jeito de ir visitar minha mãe e ali ficava até lá pelas 23:00 horário que ela dizia para a mãe dela que acabava as aulas, desse jeito nós íamos eu com minha vidinha que todos chamavam de (playboy) e ela sempre dando um bolo no carinha para estar lá em casa no dia 21 de dezembro um domingo Dani (verídico) uma amiga passou o dia comigo por volta das 9 da noite Dani foi para casa e eu fiquei em frente de casa quando Silvia chegou e colocou uma cadeira bem em minha frente e ficamos falando de varias coisas ela me disse que tinha Acabado com o namorado que ele era muito bobo, e essas coisas que só as mulheres sabem dizer para detonar um homem, eu disse que eu estava legal, pois como não fazia um ano que eu tinha saído de um casamento de 6 anos achava que não tava na hora de namorar serio e eu estava naquela faze de comer todas imagine seis anos casado, tinha varias afim de ver o que eu tinha de bom e eu claro aproveitava, mas aos poucos a conversa foi ficando mais picante e Silvia se fazendo de inocente então eu comecei a passar os Lábios no rosto dela e quando chegava à boca eu não beijava, até que ela (Silvia) me disse quero ver se você consegue se controlar eu disse que ela podia tentar ela começou a beijar meu rosto meu pescoço e eu dizia (o SANTOS foi campeão) e daquele modo ficamos por uns 20 minutos até que ela me beijou a boca, eu já comecei a passar a mão nas pernas dela como ela não mandava eu parar continuei quando cheguei na calcinha ela tentou tirar minha mão, mas logo ela começou a passar minhas mãos na calcinha que tava toda melada e ela dizia que desde o dia que me viu ficou com vontade de ficar comigo, mas como eu não dava muita bola pra ela, ela ficou com esse amigo só pra ficar perto de mim como estávamos em frente de casa eu disse e agora olha como você me deixou e botei a mão dela sobre meu cacete por cima da bermuda ela riu e  disse ?olha só tem uma coisa que eu posso fazer ?Por você? eu perguntei ?o que??, ela disse ?tira pra fora que eu te mostro?, na cadeira de rodas tenho essa vantagem só encostei para trás e ela pegou e começou a punhetar e perguntou se eu queria que ela fizesse mais alguma coisa eu disse ?olha por mim pode fazer o que você quiser? ela abriu as pernas e disse ?hoje você só olha pra ela (ela buceta) e começou a passar os dedos naquela buceta lizinha de olhar parecia bem apertadinha (o que constatei ser muito apertada uns dias depois) quando ela baixou e começou a chupar meu pau parecia que eu estava no paraíso aquela boca quente a putinha era perita em mamar um cacete (como tenho um pau no tamanho médio ela não teve muita dificuldade em mamar) eu pedi pra chupar a buceta dela, ela empurrou a cadeira que estava para uma parte que não batia luz e abriu as pernas e ergueu a saia e eu mamei aquela buceta melada a putinha não deixou eu botar o dedo dentro da buceta disse que eu só ia poder saber como era a xana dela por dentro só com meu pau, depois de uns 10 minutos senti ela gozar (confesso que nunca tinha visto uma mulher gozar daquele jeito escorreu aquele líquido da Buceta dela) ai eu disse que eu também queria gozar ela arrumou a calcinha e voltou a mamar quando senti que ia gozar avisei ela e perguntei se ela queria que eu tirasse ela me olhou e disse ? se você deixou eu gozar na tua boca você também pode gozar na minha? e logo gozei ela não perdeu uma gota da minha porra safadinha engoliu tudo e disse que da próxima queria tudo na buceta, depois de limpar meu pau com a boca ela ainda me deu um beijo com resquícios da minha porra.Depois disso tivemos enumeras fodas magistrais, mas isso fica para próxima.
Se você mulher ou casal do Rio Grande Do Sul quiserem entrar em contato basta me Add no MSN ou e ou no Orkut, mas friso que procuro pessoas sem preconceito e normais, pra mim não importa a idade ou cor não busco dinheiro ou algo do tipo prezo só pelo prazer então pra mim não há limites
MSN   Kazablank1@hotmail.com    ORKUT kazablank@hotmail.com
PS: também curto sexo virtual com webcam 

 

Gostou? Vote no Conto:

04/09/2010 | 13893 visitas

 

Comentários

  • carlinha postou em 13/01/2011

    vc e bem safadinho em mas o meu bem melhor



:D :P: :afff: :confiante: :convencido: :convite: :decepcionado: :derrota: :descrente: :encucado: :fascinado: :lagrima: :legal: :meia-boca: :no:

  confirmacao * Todos os campos são obrigatórios
 
 
Quer fazer sexo? Ligue já para: 091 17 7878-0270 e veja perfis com vídeos de mulheres gostosas buscando um homem safado! www.sexopelotelefone.com
Faça Sexo Pelo Telefone Selecionamos as mulheres brasileiras mais gatas, gostosas e safadas estão esperando para ter sexo no telefone. www.sexopelotelefone.com
Sexo por telefone Mulheres procurando por sexo, ligue já para: 091 17 7878-0270 e encontre sexo em poucos minutos! www.sexopelotelefone.com
Disk sexo - Tele Sexo Mulheres dispostas a realizar os seus desejos, basta ligar e pedir que a sua fantasia será realizada. www.sexopelotelefone.com
Disque Sexo Gatas deliciosas prontas para muita putaria no telefone, é só ligar: 091 17 7878-0270 www.sexopelotelefone.com