Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
sexo anal sexo anal amadoras videos porno sexo gostosas

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Encoxada na negra safada | Acervo de Contos

Encoxada na negra safada

encoxei uma negra muito gostosa varias vezes

o que aconteceu comigo foi uma coinsidencia muito prazerosa,bom me chamo andre
(ficticio)meu amigo valter e a mulher dele vanda,quando não vou trabalhar de carro sempre pego o onibus,pois trabalho meia hora do trampo e sempre quando entro esta meio cheio depois fica uma lata de sardinha de tao cheio,e um dia entrei no onibus e avistei aquela negra não muito bonita mais muito gostosa,passei a catraca e dei aquela secada na sua bunda(coisa que me fascina é uma bunda gostosa)ela percebeu que eu olhei e disfarçou quando eu estava na frente e o onibus começou a encher mais e mais entao vanda tambem passou a catraca e se posicionou ao meu lado,conforme o buzao ia enchendo ,a gente ia ficando mais proximo,ela então foi aos poucos entrando em minha frente,confesso que não costumo abusar das mulheres no onibus pois tenho medo de escandalos,mais não dava pra evitar e vanda tambem não fazia questão de evitar então deixei rolar,inevitavelmente minha ereção comecou e vanda percebeu e pra minha surpresa ela começou a empurrar a bunda na minha rola,ela estava com uma calça de pano fino e dava para ela sentir toda a estenção conforme o onibus andava ela dava pequenas reboladas no meu pau quase gosei na bunda daquela deusa negra,parei de ir de carro e só ia de buzao no mesmo horario,vanda adorava esfregar a sua bunda gostosa no meu pinto,porque eu sempre ia pra frente e logo depois ela ia e dava um geito de entrar na minha frente,teve um dia que outra mina entrou na minha frente e ela fez uma cara de quem queria voar no pescoço da garota mais não rolou aquele tezao,fiquei na saudade.outro dia encontrei o meu amigo valter um camarada que havia trabalhado comigo em outro trampo mais fazia tempos que não o via paramos pra bater papo e ele relembrou de coisas que fizemos juntos e coisas de trabalho ,sempre tivemos uma amizade muito boa,mais sai desse trampo o nunca mais tivemos contato então valter me convidou para uma festa em sua casa disse que era aniversario de seu filinho e que fazia questao que eu fosse,sabe como é né?festa de criança é um tedio,mais como não tinha nada pra fazer acabei aceitando ele me passou seu endereço e na data combinada eu fui quando cheguei na festa ele ficou muito feliz,parecia a criança que estava ganhando um presente,me abraçou e fez questao de me apresentar pra todo mundo,inclusive pra sua esposa,quando eu olhei tive um choque e fiquei muito sem graça,a esposa do meu amigo era nada menos do que a negra gostosa que eu me deliciava no buzao todas as manhãs,ela quando me viu arregalhou os olhos e ficou branca,mais depois que ele me apresentou,ela ficou com um sorriso de que adorou a surpresa,mais em fim,a festa continuou sem mais problemas,mais eu e vanda não paravamos de nos olhar ,ela estava com uma calça destas de fazer ginastica e um top que realçava ainda mais aquele rabo gostoso que eu brincava todos os dias no buzao,tinha muito churrasco e cerveja,caipirinha,batida e todo mundo bebendo a vontade menos eu,pois não gosto de alcool,teve uma hora que vanda veio com uma cerveja e me ofereceu e disce a ela que não bebia,ela disse que interessante,porque o vacilão do meu marido ja esta de cara cheia,sorriu e saiu mais olhou pra traz e me pegou secando a bunda dela,deu um sorriso sacana e continuou a andar,quando era umas onze e meia o meu amigo ja tava triloco,vanda percebendo isso começou a me dar mole descaradamente,teve uma hora que ela me disse ta vendo seu amigo ta travado e depois reclama que virou corno,eu disse a ela como assim corno,e ela disse neste estado que ele esta corre o risco de algum amigo comer a mulher dele,porque mulher de bebado não tem dono,nessa hora meu pau ficou duro e ela deu uma boa olhada e falou ,hoje eu só to vendo e não sentindo e saiu,nossa meu coraçao quase saiu pela boca,bom la pelas tantas muita gente tinha ido embora e eu fui me despedir,procurei pelo meu amigo e vanda falou que estava na sala,quando eu o vi o cara estava largado em coma alcolico entao eu falei pra vanda,eu ja vou indo e ela falou nem pensar,todo mundo ta indo embora e quem vai me ajudar levar esse bebum pro quarto e pediu pra esperar mais um pouquinho alegando que eu estava de carro e não prescisava ter pressa.não teve jeito tive que ficar mais um pouco,quando todo mundo foi embora e o filhinho deles dormiu ela falou vamos por esse mané na cama ,quando colocamos o valter na cama ela disse pode cair a casa que esse não acorda e deu um sorriso,ela fechou a porta do quarto e voltamos pra sala.ela sentou no sofa e eu no outro,olhamos pra cara do outro e ela entao me disse quem diria que o cara que roça a rola na minha bunda todos dias era amigo do meu marido,é verdade,o meu amigo é um homem de sorte,ela falou é mesmo ? porque?eu disse porque eu só encosto e ele degusta ,ai ela se levantou e sentou ao meu lado e disse olhando no meu olhos porque voçe acha que eu pedi pra voçe ficar e me ajudar a levar ele pro quarto?eu nao disse mais nada e nos beijamos num beijo ardente e reprimido começamos um amaço alucinante ela tocava em meu corpo e eu no dela comecei a passar a mao em cada pedacinho daquele corpo maravilhoso,fui beijando seu pescoço e fui tirando aque top e pude me deliciar com a visao daqueles seios firme e pequenos,chupava ora um ora outro com os piquinhos durinhos ela gemia feito uma gata e falava me chupa gostoso e eu fui descendo e beijando deitei ela no sofa e fui tirando a calça de ginastica dela que visao maravilhosa daquela calçinha ela ergueu um pulco os quadris para eu tirar a calchinha que fiz com toda calma e me deperei com a buceta daquela negra que eu tanto desejava e fui chupando o seu critoris bem de vagar em movimentos circulares e ela ficou alucinada a cada lambida eu fodia aquela buceta com minha lingua ela começou a tremer e pedia pra eu chupar gostoso e falava vai seu safado faz a esposa do seu amigo gozar na sua lingua vai meu amor aiiiiiiiiiii eu tõ gozandoooooooo.ela levou alguns segundos para voltar aos sentidos normais...entao ela me beijou e foi tirando minha camisa e depois abriu meu cinto o meu ziper e fez questao de me deixar só de cuecas e por cima da cueca começou a morder bem de leve meu pau,isso tava me deixando louco ai ela abaixou minha cueca liberando minha rola que estava babando a esta altura e começou a passar a lingua na cabeça e com a ponta da lingua foi lambendo o liquido que saia da ponta e não aguentou e colocou tudo na boca sugava feito criança tomando sorvete dava uma paradinha e falava que delicia chupar esse pau que todo dia me deixa molhadinha e me faz me masturbar quando chego no trabalho e voltava a chupar como de fosse a ultima coisa que iria faser ,eu não estava mais aguentando e anunciei que iria gozar e ela aumentou os movimentos com a boca e não resisti e gozei gostoso na boca daquela negra mulher do meu amigo ela engoliu cada gota e deixou ele limpinho,voltamos a nos beijar o tesão era tanto que com o marido dela dormindo no quarto e nois na sala,o risco de sermos flagrados pelo marido me deu mais tesao ainda e ela ficou de pe na minha frente de costas pra mim e disse olha o que voce encocha todos os dias hoje ela é sua,comecei beijar a bunda dela e passar a lingua naquele rego gostoso ela enclinou-se pra frente abrindo mais e pude ver aquele cuzinho delecioso e meti a lingua nele fiquei fodendo aquele cu com a lingua por uns dez minutos ela se virou de frente subiu no sofa e pegou meu cacete e foi baixando ate a cabeça encostar na porta da sua buceta e foi deslizando o meu pau pra dentro e começou a cavalgar bem de vagar depois começou a aumentar o ritimo e a gemer e falar coisas desconexas e falava vai fode a mulher do seu amigo ,enche essa buceta de rola ,me faz gozar dinovo e entao gozamos junto numa sensaçao jamais sentida ela quase desmaiou e eu tambem como metia gostoso aquela negra demos um tempinho pra nos repormos e ela olhou nos meus olhos e falou voce adora roçar no meu rabo né safado,agora vai fazer serviço completo,meu marido não come meu cuzinho mais voce não sai daqui sem foder meu cu,aquilo soou como uma musica nos meus ouvidos.então ela ficou de quatro no sofa e eu me posicionei mais antes comeceia chupar aquele cu delicioso ela rebolava na minha cara,eu socava minha lingua naquele cuzinho,nossas eu estava no paraiso ,eu coloquei meu pau na entrada do seu cuzinho e fui empurrando e ela pediu para não ser bruto e foi rebolando,como aquela nega gostava de dar o rabo,quando entrou tudo ela olhou pra traz e disse vai seu tarado fode com vontade esse cu que é todo seu,o corno do meu marido não sabe como me completar mais voce sabe e apartir de hoje voce é o dono do meu cu vai fode ......fode gostoso ....nã0 para ......eu vou gozaaaa no seu pauuuuu;...ai tõ gozandoooooooooo.e eu tambem gozei enchendo o cu da minha negra com minha porra ,ficamos mais alguns minutos abraçados e nos recompomos e me vesti e fui embora.....desde de então quando vanda ta louca pra levar rola no cú nos vamos pro motel e eu viajo naquele rabo...........se alguma negra gosta de ter o rabo preenchido mande i-mail(grisalho_curioso@yahoo.com.br.

 

Gostou? Vote no Conto:

09/07/2010 | 63646 visitas

 
 
 
sexo amadoras porno