Acervo de Contos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Meu capacho gostoso! | Fantasias | Acervo de Contos

Meu capacho gostoso!

ola!



vou contar o que aconteceu comigo a alguns meses atrás.



Moro em um condomínio pequeno, não costumo ver os meu vizinhos.Sou uma moça de 22 anos, 1,70 de altura, cabelos cumpridos até abaixo do ombro, pretos todo cacheado nas pontas, cinturinha pequena, bunda grande,coxas largas, quadril grande, e peito médio.Tenho uma boca bem carnuda q chama a atenção pelo lábios grandes.

Um dia estacionando o carro, vi de longe um moreno alto, todo suado, sem camisa, no auge dos seus 25/26 anos, entrando no mesmo bloco que o meu.Por sorte, peguei o mesmo elevador q ele, e pude notar q ele tinha morava no andar acima do meu .Ele perguntou pra mim q andar eu iria, e eu respondi. Conversamos um pouco e nos despedimos

Dali pra frente, nos encontravámos cada vez mais.O papo foi esquentando, e comecei a falar sobre minhas fantasias. O que o excitou muito.Ele desceu então no meu apartamento.

Quando chegou, eu estava com um sutien vermelho, calçinha transparente e fio dental enfiadinho, uma meia calça da mesma cor, toda perfumada.Fui logo arrancando a roupa dele, deixando ele nú, amarrei ele, e vendei os olhos dele.Fiz ele se ajoelhar, tratei-o como meu capacho, dando tapas no rosto dele, e chamando-o de inutil, imprestável, e etc... e não deixando de jeito nenhum, ele passar as mãos no meu corpo, se quisesse, iria fazer tudo com a boca.Ele começou a chupar meus peitos, quase engoli-los, esfregava a língua pela minha cintura fina, subia até minha nuca, chupava minha orelha, e eu virava e ele lambia bem gostoso minha bunda.Percebi q o pau dele estava mtu duro já. E mandei q ele chupasse minha bucetinha, nem precisei mandar duas vezes.Ele chupava os lábios, brincava com o grelinho com a língua, lambia meu cuzinho, e enfiava a língua até onde conseguia.Comecei então, a chupá-lo, lambia desde o saco, até a cabeçona enorme do pau dele, entrava e saia da minha boca.Eu babava mtu no pau dele, e avisei-o q se ele gozasse, nunca mais ele iria me ver. Comecei a torturá-lo assim, chupava até ver q ele ia gozar e parava, mandava-o segurar o gozo. E ele se contorcia, se mexia, implorava para eu parar, flando q ele iria gozar se eu continuasse assim.E eu dava mais tapas no rosto dele, e mandava ele implorar para eu chupá-lo, e ele implorava, fiz ele ficar de cara encostada no chão, beijando meu pé. Ele começou então a pedir para q eu deixasse ele me chupar, e gozar na boca dele. Começou a me chupar novamente, e num demorou mtu para eu gozar na boca dele.Começou a me pedir pra deixar q ele visse meu corpo, e eu concordei, mas com a condição, de que então ele iria só ver, e NADA mais e nisso, mas ANTES teria q andar de quatro, e vim até mim, igual um cachorrinho querendo petisco.Quando tirei a venda, comecei a me masturbar, esfregando o dedo na minha bucetinha, passando o dedo molhado nos bicos dos meus peitos, rebolando bem na cara dele, sem deixar q ele me tocasse.Ele começou a se masturbar também, e quanto mais eu gemia, e rebolava, mais aquele homem ficava excitado.Até que uma hora não se segurou mais e gozou.Então eu me troquei, e ordenei q ele fosse embora.Pq amanhã tinha MAIS!

 

Gostou? Vote no Conto:

21232 visitas