Acervo de Contos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Loucuras Inesperadas | Diversos | Acervo de Contos

Loucuras Inesperadas

Me chamo Marcos e minha noiva Samara, somos moradores de Belém do Para. Vou compartilhar com vocês  uma experiencia que eu considero unica e inesquecível que vivemos.

certo dia fui buscar Samara no trabalho, como ela trabalha ate as 22;00 sempre vou busca-la, pois mora longe do trabalho. vinhamos conversando pelo caminho ate decidimos parar o carro em uma avenida que possui uns estacionamentos e uma pracinha no canteiro central, namoramos um pouco e acabamos nos excedendo, Samara tirou a blusa e logo comecei a mamar bem gostoso enquanto ela ela me punhetava e as coisas foram ficando mais quentes e logo estávamos  sem roupas e transando loucamente, ela me chupava e eu enfiava o dedo na bucetinha  cabeluda dela , que estava  escorrendo de tão molhada que estava, ate que el sentou no meu pau e começou a cavalgar bem lentamente para não balançar o carro e levantar suspeitas do que estávamos fazendo, enquanto isso eu ia chupando seus seios loucamente, ate que percebemos que vinha  se aproximando três pessoas dois rapazes e uma moca de mãos dada com um dos rapazes, percebi que eles pararam e ficaram olhando para o carro onde estávamos, embora o vidro seja escuro devido o filme ficamos receosos e estático, pois meu pau ainda estava dentro da buceta de Samara , oque não me deixava  ficar sem pensar em continuar ainda por que seus seios grandes e suadinhos estavam bem na direção da minha boca , as pessoas foram embora mas olhando muito para nossa direção, ficamos em misto de medo com excitação muito grande e não conseguimos nos controlar , voltamos a transar e com muito mais prazer que antes, Samara gozou muito e eu não aguentei e gozei bem dentro de sua bucetinha, ate que percebemos que a moca e um dos rapazes estava voltando, começamos a nos vestir lentamente ate que percebi que os dois estavam parados encostado em uma arvores bem que fazia um pouco de escurinho bem na frente de nosso carro e se agarrando, se beijando, ate que que Samara viu quando o rapaz colocou o seio da moça para fora e chupou bastante olhando para nossa direção, como se estive-se falando com a gente, nosso tesão foi la pra alturas, mais ficamos preocupados, olhamos para o relógio e ja era quase 1h da madrugada, o casa se aproximou do nosso carro  se encostou e começaram a se agarrar, se beijarem e olharem para dentro do carro, o tesão o medo estavam nas alturas e mas mesmo assim comecei a chupar os seios de Samara, ate que  não aguente e baixei um pouco o vidro do carro e casal se aproximou, Samara estava só de Calcinha e eu apenas de bermuda, a moça se aproximou do vidro e levantou sua blusa bem em minha frente e o rapaz deu uma chupada deliciosa q não me aguentei e abri a porta e perguntei se queriam entrar no carro conosco, nessa hora só pensei no tesão que estava sentindo, quando entraram no carro conosco foram logo tirando a roupa e se agarrando,Samara sentou novamente no meu pau e começou a cavalgar em mim e a moça fez o mesmo com o rapaz, ele olhava para Samara e falou que seus seios são bem grandes e lindos, e Samara Olhou par mim deu um sorrisinho safado e pegou a mão do rapaz e colocou em seu seio, quando vi o cara pegando e apertando o sei da minha noiva não aguentei e fui a loucura,  a moca saiu de sima do rapaz e ele sentou no banco da frete ela logo passou pra frente e sentou no pau dele novamente, era tanta loucura que eu não estava  acreditando, a moça pegou minha mão e colocou em seu seio, pequenino com mamilos bem grandes e durinhos chega eu tremia de tanto tesão, Samara também colocou a mão do rapaz em seus peitões suculentos e ele apertava tanto que a samara gemia cada vez mais auto,eu já estava muito louco de tanto tesão com os gemidos de Samara e da moça  o rapaz tirou a mão dos seios de Samara e em um piscar de olhos a moça se jogou de boca nos seios de Samara e começou a mama-la, Samara se arrepiou toda e começou a gozar horrores em meu pau, me olhou com uma cara de espanto e se rendeu ao prazer, em quanto a moça mamava em um seio eu mamava no outro, e Samara delirando de prazer que eu sentia ela se tremendo toda em cima de mim, a moça meio que como uma contorcionista se abaixou entre o banco e o painel do carro e começou a chupar ele, ele me olhou bem nos meus olhos e foi logo de boca para os seios de Samara, falou que nunca teve tanto prazer , a moça falou que queria muito meter sua buceta no meu pau e que queria que o marido dela comece a Samara, com isso Samara me olhou e eu não aguentei mais e gozei  muito dentro da bucetinha da samara que ela levantou e foi para o banco de traz com sua buceta pingando de tanto que joguei dentro dela, enquato isso a moça chupou e punhetou o rapaz ate ele gozar, e foi uma gozada que espirrou no para-brisa do carro, a moça foi para o banco de traz com Samara, e começamos a recuperar as forças, mas tava muito difícil de ficar parado, olhei para o pau do rapaz e ele já tava ficando duro novamente, e o meu já tava latejando, olhei para traz e estava as duas com as pernas abertas e uma pegando no seio da outra e nos chamando, foi um pouco difícil eu passar para o banco de traz mas passei, o rapaz olhou pra frente olhou para traz e disse Rafaela abre a aporta rápido e el abriu e ele saiu rápido do carro nu e entrou correndo atrás, a Rafaela olhou para Samara e me puchou, começou a me chupar o rapaz olhou para a buceta da samara e falou ' ainda esta escorrendo gala de sua buceta" e começou a chupar com muita vontade que a Samara deu um gemido que eu nuca tinha visto antes, a Rafaela sentou com sua buceta em meu pau e começou a cavalgar, quando eu dei por mim ja estava chupando seus seios  e sentindo muito prazer, olhei para Ssamara e ela estava cavalgando no pau do rapaz e falando que 'amor já gozei tantas vezes que não lembro mais"a Rafaela saiu de cima de mim e falou para a Samara "você quer sentir prazer, então vai" e enquanto seu marido penetrava samara ela massageava a buceta da samara e enfiava o dedo dentro junto com o pau do seu marido, samara sussurrava de prazer  e falava " ta gostoso, não para, não para, amor, amor amorr  minhas pernas estão tremendo" ate que ela deu um gritinho de prazer que todos nos ficamos olhando e a Rafaela me olhou e disse agora e eu e você,, sentou no meu pau, enfiou todo na sua buceta e pegou a mao da samara e colocou na sua buceta seu marido  se espremeu entre a gente e abocanhou seu seios Rafaela gemia muito eu ja a ponto de gozar, ela falava chupa meu peito também, emquando comecei a chupar seu peito ela ela gemeu ainda mais, ficamos ali eu e o marido chupando aqueles peitinhos deliciosos Samara acariciando a buceta dela enquanto ela pulava no meu pau por alguns minutos ate que eu gozei e a Rafaela  segurou minha cabeça e gritou "gozei" e me deu um beijo na boca, Samara me olhou e falou 'hoje foi bom de mais para eu brigar com você" e todos nos rimos bastante.

Depois de tudo isso Rafaela falou " pessoal, voces já perceberam que transamos e ainda estamos nus dentro de uma carro parado na av.M d E", ai paramos para ver que ja eram 3;17 da madrugada, apenas coloquei minha bermuda , Samara se vestia e Raffaela e apenas colocaram a calcinha e o sutian e a cueca, deixei eles na frente de sua casa e os dois desceram do jeito que estavam, e Samara e eu fomos para casa.

 

Gostou? Vote no Conto:

4123 visitas