Acervo de Contos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Um Casal Mossoroense | Cornos | Acervo de Contos

Um Casal Mossoroense

Após a minha primeira experiência com o casal de Aracaju minhas fantasias de sair com outros casais aumentou e continuei a procurar na net já que é um local mais fácil de conversar sobre esse assunto com toda a comodidade do anonimato.  Como  trabalho com projetos e estou em constantes viagens tive de ir resolver uns probleminhas em Mossoró, no qe eu já tinha ouvido falar que é uma cidade de mulheres bonitas. Entrei no site sexolog e localizei um casal que era adepto do ménage masculino,  add o MSN dele e após um tempo vi que eles estavam on line, começamos logo um bate papo animado pois na foto que ele colocavam era uma visão magnífica da bunda da esposa de 4 com uma linda marquinha de biquíni.  Expliquei que estaria em Mossoró numa determinada data e perguntei como poderíamos nos conhecer, como passei a ele confiança que eu era uma pessoa de boa índole me passou o celular e pediu que assim que chegasse ligasse para que piudessemos marcar algo a noite e assim continuamos conversando e ele mostrando aquela linda mulher em fotos sensuais.  Cheguei no aeroporto de Natal e peguei o carro alugado pela empresa e fui em direção a Mossoró, cheguei e fui me hospedar no Hotel Termas, fui na obra e fiquei ocupado até o inicio da noite com os problemas a qual me tinham trazido até la.  Quando cheguei no Hotel fui tomar banho naquelas maravilhosas piscinas térmicas tomando uma cervejinha bem gelada  ( isso é o paraíso ) e de la mesmo já liguei pro meu mais novo amigo e pra minha decepção o telefone esta desligado.  Fiquei muito chateado pois já meu desejo de ter aquela linda mulher já estava dendo visível em minha sunga, dei mais um tempo e liguei novamente soque dessa vez ele atendeu e me pediu desculpas pois a bateria tinha descarregado e que so teria chegado em casa naquela hora e colocado op celular para carregar.  Marque de encontra los na praça de alimentação  do shopping  e na hora marcada eles chegaram, ela era mais bonita do que eu esperava e ele muito  mais simpático.  Sentaram-se em na mesa e começamos a conversar amenidades e tomar um chopp, chegou  a hora do shopping fecha e perguntei a eles onde iramos continuar nossa conversa que estava começando a ficar animada.  Fomos para um barzinho chamado Acapulco e pela primeira vez na noite fiquei sozinho com ela na mesa pois ele deu estrategicamente uma saída para o banheiro e demorou um certo tempo la.  Se sentindo mais avontade em estar sozinha comigo ( após outros encontros, ela me contou que so saia com outros pra satisfazer os desejos dele ) me falou que tinha gostado muito de mim, que eu estava sendo diferente dos outros pq estava sendo na minha e perguntou o que eu tinah achado dela. Respondi apenas o que eu estava sentindo naquele momento, que também tinha notado nela uma mulher muito  bonita, educada e simpática.  Apartir dessa conversa notei que o sorriso dela já não me parecia um sorriso forçado e sim um sorriso de felicidade que ela já estava gostando pela primeira vez daquela situação.  O tempo passou rápido e já tinha chegado a hora de deixa los em casa.  Saímos do Acapulcos  e fomos em direção a casa deles mas quando chegou no meio do caminha eu já doido pra ter aquele bela mulher perguntei pra onde iríamos no que o marido falou que era ela que decidiria.   Ela com uma voz meiga falou se eu quizesse iríamos a um local onde pudéssemos ficar mais avontade ( motel lógico ) e mais que depressa já entrei na primeira entranda onde um painel luminoso indicava um que me parecia de bom nível, e realmente era.  Entramos e já era nítido nosso desejo mutuo e de novo estrategicamente o marido falou que ia fumar um cigarro na garagem e que voltaria em seguida e pediu pra ficarmos a vontade, sem dizer uma palavra olhamos um para o outro nos aproximamos e nossos lábios se juntaram nos lento, longo  e delicioso beijo, meu coração bateu de forma diferente e tenho certeza que o dela também pois estava sendo como se esse beijo foi um desejo de muito tempo reprimido.  Delicadamente me afastei um pouco e me ajoelhei de frente pra ela e a fiz  ficar de costas pra mim, comecei a alizar suas coxas  chegando até sua maravilhosa bunda ( arrebitadissima por baixo daquele vestidinho preto  ), subindo seu vestido ate deixá-lo na cintura dela  fazendo com que aparecesse uma minúscula calcinha também preta que sumia no meio daquele monumento de pele branquinha.  Meus pensamentos foram nas alturas e entre mordidas e beijinhos fui retirando aquele pedacinho de tecido deixando completamente nua a minha disposição, após um bom tempo apenas me detive em cheirar,  beijar, morder a bunda dela me deliciando com a marquinha de minúscula de seu biquíni, já sentindo a respiração ofegante e os gemidinhos contidos a fiz se virar de frente e tive outra visão maravilhosa do corpo dela que foi uma fina tira de seus pelos pubianos delicadamente depilados delimitando uma área branquinha deixada pelo biquíni, fui subindo as mãos por entre suas pernas e tive uma sensação maravilhosa que foi encontrar sua coxas já totalmente molhada tanto era sua excitação naquele momento.  Levei-a para cama e retirei o restante de suas roupas deixando livre seus lindos seios ( ela tem 36 anos mas um corpinho de 30 ) e quando pensei que ia começar a suga-los recebi uma ordem dela.  Agora é minha vez falou, pedindo que me levante e deixasse ela tirar minha roupa fui ajundando e tirei minha camisa e esperei ela fazer oq eu estava querendo, ela desabituou minha calça e de uma vez so me deixou nu, ato continuo vendo minha excitação começou a lamber e colocar a boca nele me deixando com vontade de derramar todo meu gozo na boca dela, como eu não sabia a reação dela me controlei o máximo para não gozar.  Ela parecia em transe de tanto desejo que demonstrava em fazer aquilo em mim.  Fui ajoelhando e ficamos os dois de joelhos em cima da cama e e nos abraçamos gostoso sentindo toda nosso desejo um pelo outro. Fui empurrando o corpo dela ate deixá-la  deitada e me encaminhei para o meio das pernas dela que foi se erguendo se posicionando para o que queríamos desde a conversa do bar.  Não tenho palavras para descrever a sensação que foi sentir penetrando sentindo cada pedaço meu sendo engolido por ela, comecei um movimento vagaroso de entra e sai e cada gemido mais minha vontade vê la gozar aumentava, me sentia sendo sugado para dentro dela não conseguia sair, fui sentando na cama e ainda dentro a fiz ficar sentada em meu colo, ela estava literalmente toda abertinha abraçando minha cintura com sua pernas e entre uma subida e outra sugava-lhe seus seios, beijava-lhe sua boca e apertava sua bunda e enquanto eu me concentrava nas sensações que estava sentido ou um pedido dela me chamando pra gozar junto com ela.  Aumentei os movimentos e senti os gemidos mais altos e seu corpo todo se estremecer em um alucinante gozo que também segui em urros de prazer. Desfalecemos na cama e após um tempinho fomos tomar um banho juntos e  novamente fizemos amor debaixo do chuveiro sendo mais uma vez seguido com os olhos e por uma monumental gozada do maridinho dela e nossa também..  Saímos do banheiro nos arrumamos e fui deixá-los em casa pois no outro dia tinha trabalho todos os três. Tive de falar com meu gerente que teria de voltar mais vezes a essa obra somente pra poder sair mais vezes com eles. Quem se identificou com o conto me add. Quero conhecer casais e mulheres casadas de bom nível pra uma amizade interessante,  viver_a-vida@hotmail.com

 

Gostou? Vote no Conto:

11406 visitas