Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
videos de sexo filmes porno sexo anal filmes porno bundas sexo

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Será que ela quer dar pra outro? | Acervo de Contos

Será que ela quer dar pra outro?

Olá, meu nome é Rodrigo, sou médico recém-formado e namoro há 9 anos com a Fernanda. Sou um sujeito atraente e inteligente, no entanto negligenciei um pouco a minha aparência nos últimos tempos, em razão principalmente de estar noivo e não precisar mais sair para a "caça". A Fernanda é uma mulher muito bonita, de beleza incomum, é morena, alta, 1,80m, tem uma cinturinha de violão, seios bem durinhos e razoavelmente grandes e uma bunda enorme e que é uma perdição.

Sempre fui um cara muito tarado e a Fernanda é daquelas mulheres que tiveram uma criação muito conservadora. Sempre quis fazer de tudo na cama, enquanto que ela só gosta de fazer papai e mamãe e raramente chupa meu pau, sexo anal então nem pensar, mesmo ela tendo um rabo imenso e muito gostoso.

Assim, nosso namoro foi passando e, ao longo dos anos, eu acabei desistindo de ter uma vida sexual mais selvagem com ela, acabando por cair na rotina.

Ultimamente tenho me masturbado muito, quase todo dia, e quando leio ou vejo alguma coisa sobre esse negócio de corno, do cara assistindo sua mulher sendo enrabada por outro ou de saber que sua mulher deu pra outro e não fazer nada, acabo ficando muito excitado.

Outro dia a Fernanda mexeu no meu computador e viu os sites que eu frequentava e acabou ficando com muita raiva, perguntando se ela não me satisfazia e outras coisas mais. Depois disso e de pedir umas dicas a uns amigos de comunidades do orkut, tentei ver se essa história de menage a trois era de interesse dela.

Então começamos a falar sobre fantasias, mas eu sempre com medo de falar diretamente pra ela, até que um dia saimos para jantar e ela tomou umas taças de vinho. Quando chegamos em casa, ela tirou a roupa e estava vestindo uma lingerie que a deixava simplesmente deslumbrante.

Era uma cintaliga vermelha, com meias tres quartos, um sutiã meia taça e um fio dental todo enfiado naquele maravilhoso rabo. Ah.. esse rabo é uma perdição, qualquer homem daria a vida para comer esse rabinho e nem mesmo eu como.

Então começamos a transar, nesse dia como ela tinha tomado um vinho começou a chupar o meu pau, mas não demorou muito e ficamos nos tocando, eu tocando uma siririca pra ela e ela indo à loucura. Então começamos a transar no papai e mamãe de sempre e eu com a mão no seu pescoço segurando e os dedos na bochecha, foi então que ela começou a chupar meu dedo com um tesão enorme, como se tivesse chupando outro pinto.

Então sussurrando eu perguntei: "Voce gosta de dois pintos?", Ela respondeu, gemendo: "Gosto!!", ao que falei novamente: "Eita que tu queria dois pintos, né safadinha?", e ela disse: "Quero!", e então falei: "Pena que eu só tenho um!"

Depois disso, fiquei com um tesão enorme, virei-a de quatro e comecei a comer a buceta gostosa dela, vendo aquela bunda enorme pulando na minha frente e sentindo meu pau um pouco folgado naquela buceta, pensando involuntariamente que aquela buceta aguentava uma rôla bem maior e continuei bombando naquele rabo gostoso, sentindo o cheiro de um cu limpo que só quem já sentiu sabe como é. Assim gozei, comendo ela de quatro com ela chupando meu dedo e imaginando que ela estava chupando o pau de outro cara ao mesmo tempo.

Passamos um tempo deitados, até que o clima esquentou de novo e voltamos a transar e ela, na mesma hora, começou a chupar novamente o meu dedo e, depois de alguns minutos no papai e mamãe, ela deu a maior gozada da vida dela em todos os nossos 9 anos de namoro, sempre chupando meu dedo e comigo chamando ela de "putinha", "vagabunda", "rapariga".

Depois disso, que tem uns 3 meses, percebi que ela ficou muito vaidosa, coisa que ela nunca foi e que ela só goza agora quando chupa o meu dedo e que fica mais calada durante o sexo, como se estivesse imaginando alguma outra coisa. Como a nossa vida sexual andava muito parada antes desse episódio, comecei a ficar na dúvida de se ela queria transar com outro na cama e se na hora que ela chupa meu dedo, imagina que está chupando um pinto.

Fora isso, outro dia estavamos falando de fantasias e eu disse pra ela que ela nunca iria saber minhas fantasias sexuais mais íntimas, ao que ela respondeu que sabia qual era minha fantasia mais intima e disse que eu ja tinha dado indicios disso e que com o tempo ela iria realizá-la, nesse mesmo dia, estava passando um programa na tv sobre swing, e ela me encheu de perguntas sobre o assunto, ao que respondi prontamente, mas depois fiquei meio ressabiado. Então, eu venho aqui contar este relato e perguntar a vocês se vocês acham que ela quer dar para outro homem junto comigo (ou outros homens), ou mesmo se ela já não me traiu por aí - o que sinceramente eu não duvido, porque aquele rabo gostoso certamente já atraiu olhares e cantadas de vários marmanjos por aí, se ela resistiu as cantadas ou não eu não sei, mas às vezes me pego pensando se é fantasia minha ou se eu realmente quero ver aquele rabão enterrado e rebolando suavemente numa piroca de outro homem.

 

Gostou? Vote no Conto:

07/07/2010 | 29634 visitas

 
 
 
amadoras flagras gostosas