Acervo de Contos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Corno na Colônia de Férias | Cornos | Acervo de Contos

Corno na Colônia de Férias

Sou casado com uma linda mineirinha, ela é meio gordinha mais nada exagerado, alias para mim ela é perfeita, Loirinha, com uma bunda deliciosa e uns peitos lidos grandes, sem me gabar o corpo parece o da Mulher melancia (que eu adoro), mais isso não vem ao caso, eu sou um cara normal tenho, uma certa barriguinha de cerveja .

Isso aconteceu num feriado prolongado. O pessoal da empresa em que ela trabalha decidiu fazer uma festa no  domingo em uma colônia de férias não muito longe de onde moramos e uma turma ia na sexta-feira a tarde pois la tinha uns quartos para serem alugado o restante da Tuma só iria no domingo.

Na sexta-feira só tínhamos  eu e ela em um quarto , sua chefe e um sobrinho da chefe dela que trabalha na mesma loja em outro quarto e mais uns dois casais cada um em quartos diferentes. 

Na primeira noite estava tudo normal ficamos todos conversando a noite inteira e depois fomos deitar no dia seguinte depois do café fomos pegar uma piscina, e notei  que o Valter (sobrinho da chefe da minha esposa) começou a ficar toda hora peto de mina esposa que estava tomando Sol enquanto eu estava na piscina tomando cerveja com o resto dos homens, e  conversando. 

Marcamos uma partida de Futebol com outras pessoas da colônia mais o Valter não quis participar, enquanto jogávamos bola eu tive que dar uma parada pois torci o pé e fui procurar minha esposa. Quando vou entrar no quarto escuto a voz dela conversando com o Valter no nosso quarto então me escondi na entrada para ver o que elas diziam e ouço o Valter dizer:

-Voce sabe que eu sou louco pra ficar com você, faz tempo,  seu marido não vai ficar sabendo.

E ela diz: Não da, ele esta por perto e pode aparecer.

Nisso me deu uma vontade de entrar mais nesse momento não sei o que me deu e eu travei, ai ouço ele dizer; 

- E se déssemos uma escapada no meio do mato só uns beijinhos rapidinho.

E ela disse: A noite se eu consegui dar um perdido nele, vamos ver!!!!

Ouvido isso ao invés de entrar e quebrar o pau com os dois me deu uma vontade de sair. Acabei voltando para o jogo mais não consegui mais jogar, pois minha perna doía, e estava  com aquilo na cabeça. Então o pessoal desistiu de jogar também então fomos tomar umas cervejas perto dos carros, depois de uns 10 minutos aparece as mulheres e esse Valter, ficamos bebendo. Já era tarde e o pessoal percebeu que eu estava estranho perguntaram o que houve e eu disse nada, então um dos caras apareceu com um Whisky eu tive então uma idéia, não sei por que decidi fingir que estava bêbado e ir deitar minha esposa falou que ia ficar mais um pouco depois ia. Então eu fui para o quarto e deitei um pouco depois de um tempo ouço minha esposa na porta do quarto dizendo;

-Ele esta dormindo, vai para trás do campo que eu já vou. Então percebo que ela entra toma um banho e ao invés de colocar a camisola ela coloca uma saía cuitinha de jeans, e uma camisetinha regata, pega algo na bolsa e sai.

Nessa ora eu levantei e pensei; Vou acabar com essa palhaçada e fui atrás dela.

Quando cheguei perto eu vejo os dois se beijando sentados num banco perto do parquinho, estava meio escuro, mais ao invés de ir falar com eles eu travei, sentindo algo estranho e fiquei só olhando e tentando escutar a conversa dos dois então eu escuto.

- Faz tempo que eu estava esperando por isso, porque você não me dava bola?

Ela:

- Na verdade gosto muito do meu marido, e ele nunca me deu motivo para isso!!! Mais, também estava com um pouco de vontade.

- Não to nem ai para ele eu quero é você !!

Nisso ele começou a beijá-la, passando a mão em seu corpo todo, e ela começou a ficar com tesão, ele então puxou sua blusa regata para o lado tirando um de seus seios para fora e então passou a chupá-lo.

Não demorou muito para ele tirar sua blusa toda e cair de boca nos dois seios nisso ela meio que tentou parar. Porem ele nem ligou para o que ela disse, e foi descendo até chegar em sua cintura e erguer sua saia foi ai que eu ouvi.

- Nossa essa calcina te deixa muito gostosa.

E começou então a passar a mão em sua boceta por cima da calcinha então ele tirou a camisa e baixou a sua bermuda e cueca. Minha esposa o olhou nu e falou.

- Para já estamos indo longe demais, e se alguém nos pega aqui!!! 

Ele disse:

- Já ta todo mundo dormindo alem do mais ninguém vai vir aqui agora. 

Falando isso ele pega na mão da minha esposa e a coloca bem em cima do seu pau que estava bem duro... Minha esposa começou a punheta-lo, e o colocou na boca dando umas lambidinhas na cabeça e deu umas chupadas.  Ele então ficou louco e tirou a saia e a calcinha dela, e começou a lamber a bucetinha de minha esposa deixando ela louca de Tesão ela então abriu bem as pernas e pediu para ele comer ela logo que ela estava quase gosando e pegou uma camisinha no bolso da saia dela e pediu para ele colocar, 

Foi então que notei que ela já estava planejando algo pois eu e ela não usamos camisinha.

Então ele deu uma cuspida no pau para lubrificar a camisinha, a virou de quatro no banco (minha esposa tem uma bunda linda, grande demais e de quatro deixa qualquer um louco) e começou a penetrá-la, ela estava muito com muito tesão, louca fazia tempo que não a via daquele jeito, conforme ele forçava a  entrada mais ela gemia baixinho, ele então começou a beijá-la no pescoço enquanto bombava bem devagar logo em seguida ele começou a aumentar a velocidade e minha esposa a gemer mais forte, foi quando vi eles dois gosando e ela segurando ele dentro dela, quando ele tirou o pau para fora arrancou  a camisinha cheia e jogou num canto e começou a lambe-la de novo, então ela disse que ia ir embora pois já estava tarde, e ele disse que queria de novo ela falou que agora não pois não tinha mais camisinhas, e ele então disse mais olha como eu estou ela então pegou no pau dele, que já estava duro de novo e disse: 

-Hoje não talvez amanhã nós  damos  uma fugidinha do pessoal, e quem sabe rola de novo. E colocou o pau dele na boca e deu uma lambida para limpa-lo e começou a se vestir com um sorriso de safada no rosto.

Nessa hora eu voltei correndo para o quarto me deitei na cama com um baita de um tesão e fingi que esta dormindo ela entrou no quarto e foi para o banheiro se lavar e depois deitou no meu lado.

No dia seguinte eu não sabia se contava que tinha visto tudo aquilo ou se me calava, fomos tomar café e o resto do pessoal da empresa dela começou a chegar, ela notou que eu estava estranho e perguntou o que eu tinha, e falei que não estava muito bem, falei para ela ficar com seus amigos que eu ia deitar no quarto e foi isto que fiz, porem em determinado momento me levantei e fui atrás dela perguntei para o pessoal e eles disseram que ela falou que ia dar uma volta e sumiu fazia um tempo então notei que o Valter também não estava por perto. Nessa hora eu gelei de novo, só que me deu tesão de novo também, então fui andar para ver se os achava subi o morro que dava para perto de um lago do outro lago começo a escutar a voz dos dois então fui olhar.

Ele estava deitado na grama com as calças arriadas e ela estava só de biquíni chupando o pau dele como louca então fui dar uma volta para ver melhor e ficar escondido, quando olho de novo ela já estava cavalgando ele com o biquíni puxado de lado, Isso me deu um baita Tesão fiquei olhando aquilo até que em um determinado momento notei que minha esposa estava gozando, depois disso ele a colocou de quatro na grama e tirou todo o biquíni dela e foi tentar penetrá-la por traz foi e ela permitiu de primeira (comigo ela sempre reclama que dói muito e quase nunca faço anal nela) como ele estava lubrificado foi entrado de primeira.

Foi ai que eu saquei meu celular e comecei a filmar o que os dois faziam. Enquanto ele a penetrava por traz ele passava a mão em sua bucetinha que estava já vermelha mais encharcada eles sem desgrudarem deitaram de ladinha na grama e ele continuou a comer de ladinho até que vi que ele ia gozar enquento eu filmava com meu celular vi seu rabinho escorrendo porra, foi quando notei que eles estavam sem camisinha desta vez. Acabei ficando preocupado mais deixei para lá afinal esta com o maior Tesão pra me importar depois que eles terminaram eles deitaram na grama um pouco e minha esposa falou:

- Meu marido deve estar me procurando faz tempo que eu sumi !!!!

Ele deu risada e disse:

- Ele até que é um cara de sorte, poder te comer sempre que quiser!!!!

Ela levantou colocou as partes do biquíni falando.

-Eu gosto dele, e ele é um bom homem chego até me arrepender um pouco do que fiz!!!

Ele respondeu:

- A mais fala a verdade, você gostou não.

- Gostei sim mais eu preciso voltar depois nos falamos!

Foi ai que voltei para a piscina pelo outro lado e encontrei com ela chegando no vestiário ela se assustou comigo então eu perguntei onde ela estava ela, disse que tinha ido dar uma volta sentou num banco para descansar e cochilou eu falei se ela queria ir para o quarto um pouco ela disse que não pois ia cair na piscina um pouco pois já estava ficando tarde e tínhamos que ir embora, depois de uns 20 minutos apareceu o Valter e veio falar comigo. Ele começou puxar assunto e perguntar varias coisas do meu casamento, meio que jogando um verde, ele disse que queria que eu e minha esposa fossemos um dia jantar na casa dele. Falei que ia ver. 

Fui para o quarto dar uma olhada no vídeo que tinha feito e acabei me masturbando quando minha esposA entrou no quarto, veio me perguntar o eu estava fazendo eu respondi que nada. Então fomos arrumar as coisas para ir embora.

Até hoje tenho o vídeo dela com o Valter, não sei se ela já me traiu de novo, mais queria vela de novo com outro homem, quem sabe até um megane.

Se alguém for, boa pinta, e tiver interesse em come-la, poderemos marcar , deixe um contato com email, posso até mandar o vídeo dela para que vocês possam ver como é ela....

 

Gostou? Vote no Conto:

63497 visitas