Acervo de Contos eróticos

Escreva o seu conto

Escreva o seu próprio conto erótico e envie para o seu publico alvo.

envie-seu-conto
sexo anal porno amadoras videos de sexo gostosas safadas

Assine nosso feeds

e receba os últimos contos eroticos do site

 
Recomende o site

Comi o cuzinho de minha cunhada | Acervo de Contos

Comi o cuzinho de minha cunhada

Meu nome é Pedro, tenho 28 anos, loiro e 1,76 m, vou contar o que aconteceu em Julho deste ano de 2012. Vou chamar as pessoas envolvidas na história de Helena minha esposa, Paula minha cunhada, e Fábio esposo de Paula, todos os nomes são fictícios. Comecei a namorar Helena em 2008 e casamos em 2010 e morávamos até pouco tem em uma cidade do interior do estado do Tocantins, 200 KM da Capital. Paula minha cunhada é uma mulher lindíssima, por onde passa deixa os marmanjos de queixo caído. Antes mesmo de conhecer Paula, minha esposa tinha dito que Paula casou-se com o primeiro namorado da adolescência e que Fábio hora ou outra pegava outras mulheres. Quando vir Paula pela primeira vez, pensei comigo mesmo, como pode um cara procurar outras mulheres com uma gostosa dessa em casa, no mesmo instante que vir Paula, desejei ser o segundo homem na sua vida, transar aquela mulher em todas as posições, meter o pau naquele rabão gostoso e mamar aqueles peitos durinhos, fuder ela de quatro puxando aquele lindo cabelo e enfiar meu pau todinho naquela bucetinha gostosa. Paula tem dois filhos, mais se cuida como ninguém, pois tem academia em casa e sempre está em salão de estética, vejo que da show em muitas meninas por aí. Muitas vezes estava transando com minha esposa pensando na minha cunhadinha, mais isso só ficava na imaginação, assim ficava mais gostosa a transa. Gozava nos seios e no rosto da minha esposa pensando em fazer tudo isso com minha cunhada. Desde fevereiro deste ano o casamento de Paula e Fábio começou a entrar em crise, já que surgiu outro filho de Fábio em um caso extraconjugal, chegaram a ficar três meses separados mais as famílias de ambos conseguiram juntar novamente. Fábio e Paula, sempre iam nos visitar nos feriados prolongados, e comecei a perceber que Paula não gostava tanto dele como antes e comecei a por em prática o plano que até então só era imaginação de transar a gostosa de minha cunhada e passei investir, e percebi que Paula adorava as brincadeiras que tirava com ela e gostava das sacanagens que falava pra ela, aliás toda mulher gosta de ouvir e falar sacanagem em momentos apropriados. Em março estávamos só quando ela falou que tinha um certo sonho, daí falei que o meu sonho era transar com ela, transar com ela como o Fábio nunca transou, ela ficou séria e saiu, pensei que tinha perdido a cunhada de vez, e que tudo iria por água a baixo, daí no dia seguinte voltamos a conversar de boa novamente e ficou por isso mesmo. Em julho precisei vir em Palmas participar de um treinamento da empresa que aconteceria, quinta, sexta e sábado e liguei pro Fábio se poderia ficar uns três dias na casa deles, falou que sim. Daí me falou que na sexta que eu estaria na casa dele, estava de viagem marcada para Goiânia passar uma semana com os pais dele e iria levar os filhos também, mais que eu poderia vir, pois Paula não iria viajar e estaria em casa. Quando cheguei na quinta, percebi o clima meio pesado entre Fábio e Paula, daí fomos jogar sinuca na área de laser e ele me falou que o casamento piorou outra vez com a pensão no menino e tinha mais de mês que não transava com ela, fiquei explodindo de alegria por dentro, mais falei pra ele que era chato uma situação assim. Na madrugada de sexta fui deixar Fábio no Aeroporto com as crianças e logo cedo fui pro congresso e almocei por lar mesmo, daí as 16 hs o congresso acabou e quando chego em casa Paula estava se bronzeando em uma cadeira ao lado da piscina, quando vir aquela mulher só de biquine e fio dental converso que fiquei louco de tesão, meu pau pulsava de tanta tesão, cheguei a ficar com a cabeça do pau toda molhada de tanta tesão, um bunda perfeita e um lindo par de coxas, uns seios e uma a barriga parece de uma menina de 18 anos. Paula foi logo me chamando pra banhar, e de cara aceitei não seria louco de recusar, meu pau estava quase saindo fora e ela logo percebeu e falou que eu estava pronto pra guerra todo armado, falei que não tinha como ver uma mulher gostosa como ela e não ficar de pau duro, ela deu um sorriso safado e disse que não era tanto, falei que era mais um pouco e começamos a ficar a vontade pois estava somente nós dois em casa. Daí ela perguntou se eu queria beber alguma coisa, sei que o Fábio tem bastants uísque em casa e pediu um, ela pegou um litro e trouxe gele e dois copo, daí fiquei feliz pois já que ela ia me acompanhar, depois de umas duas doces comecei a perguntar se ela estava de mal com o Fábio e ela começou a falar um monte de coisa que tinha descoberto dele, dei razão pra ela e falei que todo homem queria ter uma mulher linda e gostosa como ela e porque o Fábio faria isso com ela, ela me chamou de safado e ficou sorrindo. Como estávamos sentados conversando a minha cueca ficou molhada por volta da cabeça de meu pau, ela percebeu e perguntou de eu tinha feito xixi na roupa, nisso fiz uma loucura sem perceber e mostrei a cabeça do pau toda molhada de tesão, ela ficou com os olhas vidrados e não esboçou qualquer reação e quando percebi do que tinha feito pulei na piscina e logo em seguida ela entrou tbm, a parte de cima do biquine mostrava perfeitamente os bicos dos seios e fiquei olhando e ela não se importou com isso e pediu mais uma doce de uísque, sair fora e coloque a doce e quando voltei e falei no pé do ouvido dela que eu ainda mantinha meu sonho vivo e queria realizar ele ali mesmo, queria matar o tesão dela pois sabia que fazia dias que o Fábio não fudia aquele rabo gostoso ela sorriu, daí resolvi partir para o ataque, pois meu pau pulsava nisso abracei ela por trás e encostei meu pau em sua bunda, nesse momento percebi que ela se entregava, daí comecei a morder de leve seu pescoço, orelha e a pegar nos seus seios, daí ela falou bem safado pra me parar com uma voz quase gozando e perguntei se ela queria mesmo que eu parasse, daí ela falou que não aguentava mais de tanto tesão e me virou e começamos a nos beijar, um beijo bem gostoso e comecei a pegar na bunda dela, daí sairmos pra fora e ficamos nos acariciando ali mesmo, nossa que mulher da pele lisa e deliciosa, daí comecei a mamar naqueles peitão gostoso e a pegar em sua buceta e virei ela de bruços e comecei a enfiar a língua em sua orelha e a morder suas costas, e descendo, daí comecei a morder sua bunda e pegar na sua buceta toda molhadinha, comecei a chupar sua buceta e de leve a pegar em seu cuzinho em poucos instantes ela gozou na minha boca. Logo em seguida ela começou a me chupar começou a morder minha barrida e foi descendo quando chegou no meu pau, ficou chupando meus testículos quase fiquei louco e em seguida começou a morder de leve a cabeça de meu pau, depois ficou mais forte e batia e chupava, não demorei muito e gozei na sua boca a sensação mais gostosa que já sentir, vendo a boca dela cheia de porra e seus seios e ela com a cara se uma santa puta continuava a chupar. Imediatamente ela me deitou e veio por cima e começou a cavalgar bem forte e gozou outra vez. Depois comecei a mamar seus seios parecia um bezerro faminto e voltei a chupar a buceta dela novamente e a meter o dedo em seu cuzinho e ela só gemendo de prazer e pedindo pra me não parar. Depois a coloquei de quatro e comecei a fuder aquela buceta toda meladinha e chamar ela de vadia, minha escrava do sexo, minha rapariga e ela só gemendo e pedindo pra me dá uma surra de pica pois ela estava precisando, demoramos a gozar e gozamos gostoso novamente, daí ficamos deitados no chão e nos beijando ficamos até umas 20 hs, depois tomamos banho e fomos jantar fora, voltamos pra casa e fomos deitar, daí começamos a nos beijar e falei que queria comer o cuzinho dela ela falou que não que já tinha tentado umas duas vezes só que doía muito, falei pra ela que iria colocar de vagar e falou amanhã te dou, e demos outra foda gostosa, acordamos 10 hs de sábado minha esposa me ligando...daí não fui pro última dia de congresso. Levantamos e fui no mercado comprar alguma coisa pra almoçarmos pois já era tarde, e aproveite e passei na farmácia e comprei um lubrificando pra comer o cuzinha da minha cunhadinha, daí cheguei e ela tinha tomado banho e estava deitada assistindo, toda perfumada um cheiro mais gostoso, tomei um banho e peguei algumas frutas e voltei pra cama pra deitar com ela, daí começamos a namorar novamente e falei que tinha comprado um lubrificante pra realizar a promessa que ela me fez na noite passado, só sorriu e percebi que ela pegava fogo de tesão, daí começou a chupar meu pau novamente uma delícia ver ela enfiando essa pica toda dentro da sua boca, depois comecei a mamar ela novamente e fui chupar aquela buceta peladinha e comecei a enfiar um dedo no cuzinho por sinal virgem e apertado, e ela gemendo de tesão, daí meti outro dedo e ela continuou gemendo, coloquei ela de quatro e comecei a fuder sua buceta, quando ela pediu pra me tirar o pau se não ela gozava e queria gozar bem gosoto mais era no cuzinho, me sentir o homem mais realizado, daí peguei o lubrificante e comecei e passar no seu cuzinho, colocava um, dois dedos e ela só gemente, daí lubrifiquei bem meu pau e fui metendo e vagar, daí ela falou se doer vc para, e comecei a meter no cuzinho apertado e ela só gemendo de prazer, daí passou a cabeça e ela gritou aí, perguntei de poderia tirar ela só gemeu e pediu pra enfiar tudo, daí não resistir e meti meu pau todinho naquele cuzinho gostoso. Fomos almoçar as 15:00hs, daí dormirmos e acordamos as 17:00hs, mais tarde voltamos pra piscina e mais altas fodas de todas posições dentro da piscina fora na cadeira de praia na mesa da churrascaria e por fim fui ensinar ela pegar na vara na mesa de sinuca, mais uma das fodas mais loucos que já tive. No Domingo sairmos pra almoçar fora e voltamos pra casa e mais foda. Depois disso já fiquei outras duas vezes com Paula e parece ser a primeira, pois ela tem muito fogo e assim como eu adora sexo. Meu e-mail é: gladstone_to@hotmail.com.br

 

Gostou? Vote no Conto:

09/10/2012 | 23417 visitas

 
 
 
flagras bundas sexo